Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Festival indiano distribuirá mil refeições no Parque Municipal de BH

A nova edição do Ratha-Yatra, encontro religioso realizado há mais de 3 mil anos na Índia, terá dança, música e cortejo


postado em 21/09/2019 04:00 / atualizado em 20/09/2019 17:02

(foto: Jackson Romanelli/EM/D.A Press)
(foto: Jackson Romanelli/EM/D.A Press)


VERSÃO MINEIRA
FESTIVAL RATHA-YATRA

Durante toda a manhã e parte da tarde de hoje, o Parque Municipal ficará por conta da versão belo-horizontina do festival Ratha-Yatra, o mais concorrido evento religioso da Índia, realizado na cidade de Jagannatha Puri há mais de 3 mil anos, com participação de milhões de pessoas. A edição de BH, certamente mais modesta, começa às 10h com uma procissão e, em seguida, oferecerá ao público manifestações culturais. A se destacar que o maior sucesso do evento será, sem dúvida, a gastronomia, pois serão distribuídas mil refeições gratuitas. Refeições vegetarianas, acrescente-se.

MINAS GERAIS
MORTES NAS ESTRADAS

O noticiário sobre acidentes fatais nas estradas do país já virou chavão: “Dono da maior malha rodoviária do país, Minas Gerais foi a campeã do ano de desastres com mortes nas rodovias do país”. Entra ano, sai ano é a mesma coisa. Aliás, é bom ressaltar que as informações sobre acidentes nas rodovias, de certa forma, são incorretas. Isso porque há há dois tipos de dados. Um envolve rodovias federais. Outro focaliza rodovias estaduais e vias secundárias. Há sempre confusão de números relativos a mortos e feridos em uma e outra área.

• • •

Pedindo vênia, esse prolegômeno aqui vai devido ao recente relatório da Confederação Nacional dos Transportes sobre acidentes nas rodovias federais em 2018. Mais uma vez, Minas Gerais foi o estado que apresentou o maior número de desastres nas rodovias federais e o maior número de mortos. Foram registrados 7.214 acidentes, com 693 mortes e milhares de feridos. Repeteco do registrado em 2014, 2015, 2016 e 2017. Quanto a 2019, obviamente, ainda não se sabe. Mas pelo trafegar da carruagem, vai ser a mesma coisa.

EMPRESAS
BELEZA EM ALTA

Entra semana, sai semana e os dados econômicos não são nada animadores. A crise permanece, mas o brasileiro continua prestando homenagem à vaidade. Mudando a frase do cronista Zózimo, enquanto houver vaidade, há esperança. Vejam vocês: de acordo com a Plataforma Neoway, de janeiro a 12 de setembro deste ano, foram abertas 182 mil lojas e empresas de cosméticos e beleza no país – dá até para desconfiar desse total. O setor ocupa o primeiro lugar absoluto no quesito novos empreendimentos. Em segundo lugar veio a indústria do vestuário, que abriu 123 mil lojas. Em terceiro está a área de alimentação e restaurantes, com 116 mil novos estabelecimentos.

GANDHI
HOMENAGEM A MAHATMA

O Consulado da Índia e a Associação de Amigos da Índia em Minas Gerais, organizadores do Festival da Índia em BH, vão promover, em 25 de setembro, no Teatro de Câmara do Cine Theatro Brasil Vallourec, o espetáculo Dança Kathak – Vibrações da Índia. O evento faz parte da comemoração dos 150 anos de nascimento de Mahatma Gandhi, a se registrar oficialmente em 2 de outubro.

Agentes de viagens de BH em happy hour na Serra: Eliane Boechat, Olga Miranda, Germán Alarcon, Daltro Nogueira, Cecília Nogueira, Luiz Guadalupe, Sheila Fagundes, Roberto Fagundes, Mariella Miranda, Fernando Dias e Andrea Dias(foto: M. Nogueira/Divulgação)
Agentes de viagens de BH em happy hour na Serra: Eliane Boechat, Olga Miranda, Germán Alarcon, Daltro Nogueira, Cecília Nogueira, Luiz Guadalupe, Sheila Fagundes, Roberto Fagundes, Mariella Miranda, Fernando Dias e Andrea Dias (foto: M. Nogueira/Divulgação)


NOVA YORK
BRAZILFOUNDATION

De Nova York, a mineira Angela Magarian envia notícias e fotos do Gala Brazil Foundation. Realizada esta semana no Hotel Plaza, a festa beneficente anual reuniu mais de 500 participantes. Integrante do host committee do evento, formado por 10 mulheres, Angela ficou surpresa ao saber que no grupo havia uma outra mineira: Michelle Viana, de Montes Claros. O fato deu a Minas Gerais destaque especial no comitê de recepção, cuja maioria é formada por socialites norte-americanas.

MARIA DA BAVIERA
RETRATO DA PRINCESA

Esta semana, o salão de honra da sede do Movimento Pró-Monarquia recebeu o retrato de dona Maria da Baviera de Orleans e Bragança, princesa alemã casada com o príncipe dom Pedro Henrique de Orleans e Bragança, ambos falecidos, pais dos atuais príncipes Orleans e Bragança do ramo de Vassouras. O retrato foi inaugurado pelo príncipe dom Bertrand, em comemoração aos 105 anos de nascimento da saudosa filha do rei Luiz III da Baviera. Foi mandado pintar pelo monarquista mineiro Jean Menezes.

AUTOMÓVEL CLUBE
GALA LUIZ JABBUR

Para justificar o nome Gala, dado à festa desta noite no Automóvel Clube, pedem-se black-tie para os homens e longos para as mulheres. No entanto, vale também o traje passeio escuro, completo. Tudo bem. O jantar é promovido pelo Instituto Luiz Jabbur com renda em favor do Hospital Mário Pena. Programação agitada: coquetel deabertura, jantar bistrô, leilão beneficente, show da banda Lagum, DJs Ana Jablonsky e Vinicius Amaral e danças a valer. A partir das 21h.

AMAZÔNIA
MANIFESTO SURPREENDEU

O manifesto em defesa da Amazônia lançado por 230 fundos de investimentos e empresas financeiras de todo o mundo, cuja carteira soma US$ 16,2 trilhões, acabou surpreendendo por seu ineditismo. Jamais fundos financeiros haviam se preocupado em defender a natureza ultrajada e assuntos dessa natureza. Sinal de que a devastação da Amazônia está mesmo preocupando o planeta. A se destacar que a a adesão foi praticamente de firmas internacionais. Do Brasil, só duas tiveram coragem de assinar o manifesto: a Sul América e a Fama Investimentos. O resto fugiu da raia.


Publicidade