Publicidade

Estado de Minas

Mário Fontana


postado em 08/07/2019 04:00 / atualizado em 07/07/2019 20:18


Forbes
As mais poderosas

A CEO do escritório Abi-Ackel Advogados (fundado em BH pelo ex-ministro Ibrahim Abi-Ackel há mais de 50 anos), Loyanna de Andrade Miranda, foi uma das convidadas especiais da solenidade de premiação das “Mulheres mais poderosas do Brasil” de 2019, promoção da revista Forbes, que escolheu 20 CEOs de grandes empresas, a maioria paulistas. Evento na Pauliceia. Nenhuma mineira. Loyanna espera que, em futuro próximo, uma mineira esteja no grupo, embora o Rio e São Paulo dominem o setor.

Médicas
Elas avançam

Ao contrário dos clubes sociais, as entidades que reúnem profissionais liberais crescem continuamente em número de associados, consequência natural da formação de novos advogados, médicos, engenheiros, etc. Seu corpo social está sempre em evolução. Por exemplo, a Associação Médica de Minas Gerais, de novembro de 2018 a março deste ano, ganhou um total de 150 novos associados. Até aí tudo bem. Só falta ressaltar um detalhe: destes 150 novos sócios, nada menos do que 91 são mulheres. Os demais 59 são jovens médicos. Como se vê, maioria quase absoluta de médicas. E isto está ocorrendo em todas as profissões liberais. Se continuar assim, não tem por onde escapar. Elas vão dominar o setor. Inapelavelmente.

Verallia
Fábrica em Jacutinga

A multinacional francesa Verallia, que desde 1827 fabrica vidros na França, inaugurou no final de semana, em Jacutinga, pequena cidade do Sul de Minas, a sua mais moderna fábrica no Brasil. Investimento de R$ 330 milhões. A fábrica destina-se à produção de embalagens de vidro para vinhos, cervejas, azeites, sucos, etc. Indústria sustentável, conta com um setor destinado exclusivamente à reciclagem de vidros. É a primeira fábrica do gênero no estado. Jacutinga, destaque na produção de malhas e tricô, embarca definitivamente na era industrial. A direção mundial da Verallia veio da França para a inauguração. O governador Romeu Zema também foi. O Sul de Minas avança.

Tiradentes
Visita do cônsul

O cônsul de Portugal em Minas Gerais e senhora, Rui de Almeida, acompanhado de entusiasmada comitiva, recentemente estiveram transitando por Tiradentes, fundada pelo português João de Siqueira Afonso, que em 1718 tornou-se independente de São João del-Rei com o nome de Vila São José del-Rei. Embora Tiradentes não seja considerado herói em Portugal, o cônsul Almeida e entourage lusitana prestaram homenagem ao mártir da Inconfidência junto à sua estátua perto da casa-museu do inconfidente Padre Toledo. Fernando Dias, presidente da Câmara Luso-Brasileira de Minas, coordenou a visita.

Rio
Minas na Câmara Municipal

O vereador da Câmara Municipal do Rio de Janeiro Reimont Otoni, ex -padre, mineiro de Conceição do Mato Dentro, no momento o único vereador da Casa que foi reeleito por três vezes, conterrâneo do saudoso embaixador e ex-governador de Brasília José Aparecido de Oliveira, acaba de apresentar na Câmara carioca um projeto meio sui generis: o de conceder a José Aparecido o título post-mortem de cidadão honorário da cidade do Rio de Janeiro. Baseia-se no fato de que o homenageado sempre dividiu seu tempo entre BH e o Rio, com passagens em Brasília e terra natal. Eram famosos os réveillons que promovia em seu apartamento na Avenida Atlântica, que tinha capacidade para 100 pessoas e ele convidava 400 amigos.

Prêmio de Cinema
SP vence o Rio

Além dos voos internacionais que constantemente estão se transferindo do Rio para São Paulo, a coluna recebeu no fim de semana da press news de Guilherme Mariano a notícia de que a festa de entrega do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro há 17 anos se realizando no Rio, vai ter lugar no Teatro Municipal de São Paulo, em 14 de agosto. O Rio fica a ver navios no que toca a seleção e entrega do mais importante evento de premiação do cinema nacional. Houve negociação secreta da Academia Brasileira de Cinema com a Prefeitura de São Paulo. Dizem que o governador João Doria entrou no assunto.

16ª Labace
Líder assina o ponto

A Líder Aviação e a Helibras, de Itajubá, serão as duas únicas empresas mineiras a participar da Labace, a maior feira da aviação executiva da América Latina, a se realizar de 13 a 15 agosto, em São Paulo, na aeroporto de Congonhas. A Líder vai tenta emplacar exemplares do jato executivo da Honda, do qual já vendeu quatro aparelhos no Brasil. Já a Helibras apresenta suas últimas novidades em helicópteros. Uma delas é o novíssimo H145 com novo rotor de cinco pás, para nove passageiros. Uma beleza.

Copa América
Almoço em Lourdes

A empresária Maria José Capanema, com sua incurável vocação para anfitriã, voltou a abrir seu flat em Lourdes na tarde de ontem para almoço informal, tendo como motivo assistir pela TV o jogo decisivo da Copa América entre Brasil e Peru. Embora seja uma democrata, não convidou o cônsul do Peru, mesmo porque no momento o cargo está vago. Grupo de convidados eclético. O cardápio do dia variou entre comida mineira, italiana e de Pitangui, terra dos Capanema. Jogos de salão estavam programados.

Líbano
Esqueceram do consulado

A propósito da nota da coluna sobre uma provável população de 12 milhões de descendentes de libaneses existente no Brasil, bem maior do que os 4,5 milhões da população do Líbano, descendente de BH protestou contra o atual desinteresse da poderosa colônia libanesa da capital pela nomeação de um cônsul do Líbano em Minas Gerais, situação reinante há mais de 20 anos. Confrontos entre libaneses de prestígio da cidade em disputa do cargo acabaram sufocando o processo. Pede pela reabertura da questão. A direção do corpo consular deve apoiar.

Na Serraria
Queijos de Minas

Não há por onde escapar. Atravessamos um período de glória do queijo mineiro, fruto do Mondial du Fromage, na França. Em 27 e 28 de julho, a Serraria Souza Pinto fica por conta do 3º Festival do Queijo Minas Artesanal. Presença das principais vedetes do nosso fromage de leite cru. Produtores das sete regiões “cordon bleu” participarão: Serra da Canastra, Campos das Vertentes, Araxá, Serro, Cerrado, Serra do Salitre e Triângulo. Chefs de prestígio apresentarão pratos elaborados com a iguaria. Na programação, curso para identificar um legítimo queijo artesanal mineiro. Enquanto isso, o artesanal vem subindo de preço na praça.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade