Publicidade

Estado de Minas

Mário Fontana


postado em 04/07/2019 04:00




No casamento de sábado, no Espaço Província, os noivos Lívia Maurizi e Gustavo Araújo entre os pais Ângela Maria Maurizi e Jaruslao Mendonça Passos, e Gláucia Araújo e Luiz Henrique Araújo(foto: BRUNA LAMAS/DIVULGAÇÃO)
No casamento de sábado, no Espaço Província, os noivos Lívia Maurizi e Gustavo Araújo entre os pais Ângela Maria Maurizi e Jaruslao Mendonça Passos, e Gláucia Araújo e Luiz Henrique Araújo (foto: BRUNA LAMAS/DIVULGAÇÃO)


Na data de hoje, todo os Estados Unidos estarão em festa com a comemoração do Fourth of July, data da independência dos ingleses. Trump deve aproveitar para berrar mais uma vez “America first”. Já no outro lado do mundo, as Filipinas comemoram a independência do país dos Estados Unidos, ocorrida em 1946, quando os States tentavam ser também uma potência colonial. Acabaram ficando só com o Havaí e Porto Rico. No entanto, continuam mandando em parte do mundo. Mas defendendo o anticolonialismo. God save America!

Baile da Marinha
Almirantes no A.C.

O Baile da Marinha, promovido nos salões do Automóvel Clube pelo 1º Distrito Naval, comandado pelo vice-almirante Flávio Viana Rocha, para comemorar em Belo Horizonte os 154 anos da Batalha do Riachuelo, acontecimento inédito considerando-se que Minas Gerais é um estado interior, foi dos mais prestigiados não só pela sociedade e mundo oficial belo-horizontino, mas principalmente pelo oficialato da nossa Marinha de guerra. Nada menos do que cinco almirantes participaram da comemoração, bem como altos oficiais da corporação militar mais antiga do país. Para completar, contou também com uma delegação de jovens cadetes da Escola Naval do Rio de Janeiro, usando suas fardas de gala com espadins. Almirantes, oficiais e cadetes da armada compareceram com seus uniformes de inverno, considerados os mais elegantes das forças militares do país, o que deu uma nota extra à comemoração.

• • •

Os cinco almirantes presentes, três deles nascidos em Minas Gerais, foram o almirante de esquadra Leonardo Puntel (mineiro de Guaxupé); o vice-almirante José Augusto Vieira da Cunha Menezes (de Juiz de Fora); o vice-almirante Flávio Augusto Viana Rocha (anfitrião do evento), o contra-almirante José Vicente de Alvarenga Filho (de Belo Horizonte) e o contra-almirante Jeferson Denis Cruz de Medeiros. A festa contou com o apoio decisivo da Sociedade dos Amigos da Marinha de Belo Horizonte (Somar-BH), presidida pelo professor da Faculdade de Direito da UFMG Paulo Roberto Cardoso. Outro apoiador foi o desembargador Marcos Henrique Caldeira Brant. A música esteve a cargo do conjunto Fuzi Bossa, formado por músicos do Corpo de Fuzileiros Navais. O bufê foi do Automóvel Clube. A comemoração, que provocou um inusitado encontro de confraternização de mineiros sem mar com os oficiais da nossa armada, só foi terminar às 3h.

75 anos
Hospital da Baleia

Entre as comemorações dos 75 anos do Hospital da Baleia, a se realizarem hoje, tanto na instituição quanto fora dela, haverá na Academia Mineira de Letras o lançamento do livro Caminhos da esperança. A obra é uma compilação de fotos, textos e poesias sobre o hospital, mantido pela Fundação Benjamin Guimarães, que há tanto anos presta serviços revelantes no setor de saúde de Minas Gerais. A renda obtida com a venda do livro será revertida em benefício do hospital. Às 19h30.

Mérito Rural
Ministra agraciada

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina da Costa Dias, será a principal agraciada da solenidade de entrega da Medalha do Mérito Rural 2019, a ser entregue em 18 de julho, em solenidade na sede do Sicepot-MG, promoção da Federação da Agricultura de Minas Gerais. Vai ganhar a Grande Medalha. Ela é considerada uma das mais decididas representantes da classe ruralista do país.

Amigos da Academia
Apoio, recursos, agenda

O ato de refundação da entidade Amigos da Academia, realizada terça-feira pelo presidente da Academia Mineira de Letras, Rogério Faria Tavares, tem como objetivo fazer renascer a instituição, criada há alguns anos para cooperar com a Academia, mas que acabou sendo abandonada por diretorias anteriores. Sua recriação vai servir tanto na ajuda de revitalização da programação própria quanto o de criar uma série de eventos para angariar recursos para a Academia, que anda de caixa baixo.

Governo
Andanças por Minas Gerais

O tempo passa, o tempo voa, e o governador Romeu Zema continua a se movimentar numa boa. Por exemplo, na sexta-feira foi a Minas Novas, no Vale do Jequitinhonha, fazer entrega de 267 títulos de regularização fundiária. Concessão de propriedades rurais. Já amanhã (5), vai a Juiz de Fora para almoço com os industriais da Zona da Mata. Promoção da seção regional da Federação das Indústrias de Minas Gerais. O empresário Aurélio Marangon anfitriona. Camponeses numa semana, industriais na outra.

MTC
Justa integração

Muito adequada a inclusão do Centro Cultural do Minas Tênis Clube no chamado Circuito Cultural Liberdade, o conhecido conjunto composto por museus, centros de cultura e outras instituições situados na Praça da Liberdade ou no seu entorno. O Centro Cultural do MTC, além de sua situação geográfica na vizinhança da praça, conta com grande teatro, o que vem completar o complexo nascido por força da transferência dos órgãos administrativos do estado para a Cidade Administrativa. A integração foi fechada na semana passada com a assinatura de documento pelos presidentes do Minas Tênis Clube, Ricardo Vieira Santiago, e do Iepha, Michele Arroyo.

Bombeiros
Dia Nacional

Este ano, a solenidade comemorativa do Dia Nacional do Bombeiro, em vez de ter lugar na sede da corporação, no alto da Afonso Pena, ocorreu terça-feira, no auditório da Cidade Administrativa. Entre os itens principais do evento, houve a entrega da Medalha do Mérito Imperador Dom Pedro II a um grupo de 104 agraciados. Como é de praxe, os integrantes do novo governo mineiro que ainda não tinham sido contemplados com a honraria, foram agraciados “ex officio”. A começar pelo governador Romeu Zema. Foi enaltecida a atuação dos bombeiros no episódio de Brumadinho. O primeiro Corpo de Bombeiros do Brasil foi criado no Império, em 2 de julho de 1856.

AMMG Cultural
Viva os Clássicos

A edição de amanhã do AMMG Cultural, promoção artística da Associação Médica de Minas Gerais que ocorre habitualmente no auditório da entidade, na Avenida João Pinheiro, terá como atração principal os cantores da Companhia Lírica Nino Crimi, dirigida pela professora Gabriella Crimi. Trata-se de um excelente conjunto de cantores líricos (que interpretam também canções populares), coisa meio rara hoje em dia. O espetáculo chama-se Viva os clássicos. No grupo das sopranos, as irmãs Crimi, Raíssa e Giovana. Às 19h30.

Mangalarga Marchador
Agito na Gameleira

A partir da próxima semana, o Parque da Gameleira passar a ficar exclusivamente por conta dos preparativos da 38ª Exposição Nacional do Cavalo Mangalarga Marchador, com abertura marcada para 16 de julho e encerramento no dia 27. Evento considerado o maior da América Latina, apesar de ser dedicado apenas a uma raça de cavalo, movimenta criadores de todo o Brasil. O mangalarga é o grande orgulho do criador de Minas Gerais. Tanto serve para ganhar dinheiro quanto para satisfação própria. A maioria do pessoal que atua no setor é gente de dinheiro.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade