Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas Bomba do Jaeci

"Empresários confessam ter feito rachadinha com dirigentes"

A expectativa da torcida cruzeirense é de que os envolvidos sejam presos, condenados, e devolvam todo o produto do roubo


15/08/2020 04:00 - atualizado 15/08/2020 01:14

Ex-homem forte do futebol do Cruzeiro, Itair Machado teria recebido parte da comissão dos empresários na venda de jogadores(foto: Edésio Ferreira/EM/D.A Press)
Ex-homem forte do futebol do Cruzeiro, Itair Machado teria recebido parte da comissão dos empresários na venda de jogadores (foto: Edésio Ferreira/EM/D.A Press)


Empresários confessam

Conforme antecipei no começo do ano, três empresários ouvidos pela Polícia Civil, confessaram que fizeram rachadinha com os dirigentes do Cruzeiro, em negociações. Dois deles disseram que deram parte do dinheiro da comissão que receberam ao então homem-forte do futebol, Itair Machado. Um deles recebeu R$ 750 mil, e teria repassado ao ex-dirigente R$ 500 mil. O outro teria depositado na conta do Ipatinga, R$ 500 mil. A Polícia Civil, através do belíssimo trabalho dos delegados Agnelo de Abreu Baeta, Domiciano Monteiro e Gustavo Xavier, investigou tudo, durante um ano e três meses, juntando provas e concluindo que os acusados praticaram crimes de apropriação indébita, falsidade ideológica, associação criminosa e lavagem de dinheiro. A expectativa da torcida cruzeirense é de que os envolvidos sejam presos, condenados, e devolvam todo o produto do roubo. Parabéns aos policiais e ao Ministério Público pelo excelente trabalho realizado.

Cada centavo

O presidente do Cruzeiro, Sérgio Santos Rodrigues, garantiu que Wagner Pires, Itair Machado e Sérgio Nonato (Capivara), vão devolver cada centavo roubado do clube, segundo investigação da Polícia Civil. Ele diz que há um apartamento, comprado com o dinheiro do clube, que está nas mãos de um deles, e que logo esse bem será devolvido ao Cruzeiro. O dirigente não abre mão de buscar tudo o que o clube tem direito e que dele foi usurpado. Ele não tem medo de ameaças ou coisa parecida, pois está amparado pela lei e pelas autoridades. Esta semana ele conseguiu grande vitória com o bloqueio de quase R$ 7 milhões, nas contas de Wagner e Itair, e promete buscar muito mais, pois, pela investigação, o desvio de dinheiro foi gigantesco. Dá para aliviar boa parte das dívidas que o Cruzeiro tem com os credores.


Sampaoli quer mais

Com um começo de trabalho avassalador, Jorge Sampaoli conquistou, definitivamente, a torcida do Galo, mas não se contenta com o que está vendo. Pede 5 reforços, se o Atlético quiser realmente ser campeão brasileiro. Além disso, quer jogadores experientes e cascudos, que possam dar suporte aos jovens, que vem executando excelente trabalho. É sabido que o Atlético não tem dinheiro. Porém, se Sampaoli conversar com Rubens Menin, que o contratou, com certeza ele conseguirá a grana para ir atrás dos reforços. O projeto do Galo é de ser tornar um time forte, em condições de disputar todas as taças, em 2022, na inauguração do estádio, mas, se puder antecipar isso e dar o bi do Brasileiro ao torcedor, será ótimo. Dos grandes times do nosso futebol, o Atlético é o único que não tem um bicampeonato em competições nacionais e internacionais, o que deixa sua torcida triste e frustrada. Quem sabe chegou a hora de isso acabar...

Vestiário rachado

É claro que o vestiário do Flamengo está rachado por vaidades e egocentrismo. Jogadores fora de forma, achando que podem vencer os jogos na hora em que bem entenderem. Quando o Flamengo contratou Domenec Torrent, em meu comentário na Rádio Tupi do Rio de Janeiro, a maior audiência do Brasil, eu disse que o clube precisava de um técnico que soubesse comandar um vestiário com jogadores tão qualificados. Nenhum craque, é verdade, mas excelentes jogadores. Torrent não se impõe como tal e fica difícil administrar ego e vaidades se não for um técnico respeitado. Claro que o Brasileirão ainda terá 36 rodadas para o Flamengo, mas, o começo assustador, sendo goleado pelo Atlético Goianiense é grave. E para piorar, Rafinha, um dos defensores da contratação de Torrent está indo para um clube grego, ganhar R$ 2 milhões por mês. A coisa tá feia para o lado do Ninho do Urubu.

Muricy Ramalho

Desde que me tornei amigo de Muricy Ramalho, converso sempre com ele sobre o futebol. O indaguei sobre os problemas que o Domenec Torrent está enfrentando e ele me disse que uma coisa é você ser um grande auxiliar técnico. Outra, bem diferente, é ser o técnico principal. O Flamengo errou ao contratar alguém que tem no currículo 10 anos como auxiliar de Guardiolla, e que treinou uma equipe na MLS, nos Estados Unidos. Duas derrotas em dois jogos e um horizonte sombrio pela frente, é o que Torrent vai enfrentar. Como conheço o Flamengo desde que nasci, praticamente, sei que ele não suportará uma sequência sem bons resultados. Pelo jeito, Marcos Brás atravessar o Atlântico para buscar o substituto de JJ não foi uma boa escolha.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade