Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas HIT

Bordado do coletivo Pontos de Luta-BH reivindica urgência da imunização

Grupo é o convidado da Vacina para Todos, publicada às sextas-feiras na Coluna Hit


18/06/2021 04:00

(foto: Pontos de Luta-BH/Divulgação )
(foto: Pontos de Luta-BH/Divulgação )

A negação da ciência pelo atual governo brasileiro provocou a maior crise social e sanitária no país, com registro hoje de quase 500 mil vidas perdidas pela COVID-19. Com esse bordado, o coletivo Pontos de Luta-BH se manifesta na defesa da ciência e do SUS e reivindica a garantia de vacina para todos.

• • •

Pontos de Luta-BH é um coletivo de esquerda que usa o bordado como linguagem política de resistência para lutar por justiça e democracia.

NO MINEIRÃO
MÁRIO PENNA 50

O cantor e compositor Flávio Venturini é o convidado para a live de comemoração dos 50 anos do Instituto Mário Penna, entidade que tem trajetória marcada pela busca em salvar vidas e curar pacientes com câncer. A apresentação será transmitida via redes sociais do instituto (Instagram e YouTube), ao vivo, do Mineirão, em 28 de junho, segunda-feira, às 17h. O repertório traz canções clássicas de seu cancioneiro, assim como lançamentos recentes. O set list do show inclui “Criaturas da noite”, “Sol interior”, “Até outro dia”, “Recomeçar”, “Lua de marajó”, “O céu de quem ama”,  “Besame”, “Pierrot”, “Clube 2”, “Nascente”, “Canção da América”, “Amor de índio”, “Caminho de estrelas”, “Girassol”, “Espanhola”, “Céu de Santo Amaro”, “Noites com Sol”, “Todo azul do mar” e “Linda juventude”.

Aline Calixto se inspira nos orixás e entidades da umbanda e candomblé em seu novo álbum (foto: Paulo Emanuel/Divulgação)
Aline Calixto se inspira nos orixás e entidades da umbanda e candomblé em seu novo álbum (foto: Paulo Emanuel/Divulgação)

“PONTINHOS DE AMOR”
NOVO DISCO DE ALINE CALIXTO 

Rainha do carnaval de BH e figura de destaque no samba brasileiro, a cantora e compositora Aline Calixto está em estúdio para gravar “Pontinhos de amor”. Inspirado nos orixás e entidades da umbanda e candomblé – religiões e culturas afro-brasileiras, o trabalho retratará, de forma inédita, a história de orixás como Iansã, Nanã, Oxumaré,  e de entidades, como Exus e Pombagiras, Pretos Velhos e outros, em recorte voltado para o universo infantil. Com musicalidade fiel às matrizes presentes nos terreiros e rituais religiosos, o projeto conta com instrumentos e ritmos diversos, entre eles,  afoxés, cabulas, ijexás, aguerés e congos.

• • •

Quem assina a direção musical é o “parceiro de sempre” da cantora, Thiago Delegado, com produção executiva de Joyce Cordeiro, direção artística da própria Aline Calixto e, no instrumental, Christiano Caldas (teclados e “barulhinhos”), Biu Lucas (percussão), Thiago Delegado (violão) e participação especial de Júlia Rocha.

SETENTA E CINCO
BETHÂNIA FAZ ANIVERSÁRIO

Principal aniversariante do dia, a baiana Maria Bethânia completa 75 anos. Para alegria dos fãs, o Ecad pesquisou e aponta "O que é, o que é?", de Gonzaguinha, como música que mais a Abelha Rainha gravou como intérprete até agora. Na sequência, “Sonho meu” (Dona Ivone Lara e Délcio Carvalho), e "Viramundo” (Capinan e Gilberto Gil).  Bethânia tem 1.931 gravações cadastradas no banco de dados do escritório de arrecadação. A mais tocada no Brasil nos últimos cinco anos foi “Brincar de viver” (Guilherme Arantes e Harrigan Lucien).

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade