Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas COLUNA HIT

Marcia Charnizon é a convidada de hoje da 'Cidade Pandêmica'

Publicada às quartas-feiras, a seção oferece ao leitor a visão dos fotógrafos sobre os efeitos da pandemia nas cidades


25/11/2020 04:00 - atualizado 24/11/2020 19:50

(foto: Guili Seara/divulgação)
(foto: Guili Seara/divulgação)

 
 
HO...HO...HO
Só na tecnologia

Nesta altura do campeonato, é difícil dizer quem é do grupo de risco. Apesar disso, Papai e Mamãe Noel seguem à risca o isolamento social. Para não deixar as crianças na mão, o casal fará aparições especiais por aqui. Na caravana iluminada da Coca-Cola Femsa Brasil, por exemplo, os dois estarão presentes em projeções ao longo do desfile marcado para 23 de dezembro, em Belo Horizonte. Na véspera, dia 22, o cortejo natalino vai passar por Itabirito.
 
MULHERES
MINEIRA FAZ A DIFERENÇA

Pilota do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, a major Karla Lessa está entre as vencedoras 
do Prêmio Mulheres Brasileiras que Fazem a Diferença 2020. Concedida pela embaixada e 
por consulados dos Estados Unidos no Brasil, a premiação contempla mulheres que geram 
impacto positivo em suas comunidades, servindo de inspiração para o país.

***

Além de Karla, foram premiadas Claudinete Cole de Souza (AM), coordenadora-executiva da Associação das Comunidades Remanescentes de Quilombo, do município de Oriximiná; Janete Vaz e 
Sandra Soares (DF), cofundadoras do Sabin, laboratório biomédico sediado em Brasília, que conta com 4,4 mil colaboradores em 225 localidades; Jeanne Aguiar (PE), pela dedicação aos 
direitos humanos e à luta contra o tráfico de pessoas; Jovita Belfort (RJ), primeira coordenadora do Departamento de Pessoa Desaparecida do Estado do Rio de Janeiro; juíza Jacqueline Machado (MS), pelo compromisso com a proteção de vítimas de violência doméstica; e Nadine Anflor (RS), primeira 
mulher a assumir a chefia da Polícia Civil do Rio Grande do Sul. 
 
cidade pandêmica
 
FOTO DE MÁRCIA CHARNIZON, 50 ANOS
 
Fotógrafa graduada em comunicação social pela PUC Minas

Este trabalho, Em bolhas, começou em 2019 a partir de uma inquietação sobre as bolhas que nos envolvem, cercam, protegem e também nos agridem. Bolhas sempre existiram. Será que 2020 nos trouxe um significado globalizado, vivido por quase todos neste planeta e, o mais incrível, ao mesmo tempo? A provocação que me coloco neste trabalho é sobre os signos em mutação. 

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade