Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas BAPTISTA CHAGAS DE ALMEIDA

Dia de vacinas e apelos de famosos, e o 'time' de Bolsonaro

Fernanda Montenegro tomou sua terceira dose e pediu que todos se vacinem, assim como Mauro Mendonça; Ney Matogrosso levou mãe de 99 anos para se vacinar


19/09/2021 04:00 - atualizado 19/09/2021 07:05

Presidente Jair Bolsonaro elogiou seus ministros e disse que 'o meu time está indo bem'
Presidente Jair Bolsonaro elogiou seus ministros e disse que 'o meu time está indo bem' (foto: Clauber Cleber Caetano/PR)
Fórum da Rota da Fruticultura da RIDE/DF – Oportunidades e Investimentos. Foi onde esteve, em pleno sábado (18/9), o presidente da República, Jair Messias Bolsonaro. E aproveitou para defender que o seu “time” de ministros está “indo bem”. E acrescentou: “Quando um time não está indo bem, a gente pensa logo em trocar o técnico. O meu time está indo muito bem. São 23 ministros, alguns aqui presentes”.

A iniciativa, mais uma vez, partiu da deputada Bia Kicis (PSL–DF), que atuou como mestre de cerimônia do evento. A parlamentar do Distrito Federal, só de curiosidade, é na verdade Beatriz Kicis Torrentes de Sordi.

Depois do evento, Bolsonaro passou na Praça dos Três Poderes, óbvio que em Brasília, onde, já que não perde a caminhada, falou com os seus apoiadores, aqueles que deixam claro nada ter a fazer a não ser bajular o presidente.

Só que, partindo da família do presidente vale um registro. Ele dispõe “sobre proibir a participação de atleta identificado como transexual em equipes e times esportivos e em competições, eventos e disputas de modalidades esportivas realizadas na cidade do Rio de Janeiro, na forma que menciona...”

Tudo isso veio do vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos), filho do presidente. E para justificar, ele ainda citou: “desastrosa ideologia de gênero”. Basta, né? Não, só um último detalhe: ele próprio ressalta que “está gerando um número gigantesco de absurdos”. Cabe como uma luva, só que para o próprio vereador. Chega mesmo.

Deixando um pouco a política para lá, melhor fazer um registro artístico. E não é teatro, mas bastante pertinente: “Terceira dose. Obrigada aos profissionais de saúde e a todos os envolvidos. Viva a ciência”, publicou nas redes sociais Fernanda Montenegro. “Pelo amor de Deus, tomem vacina. Nós temos uma senhora chamada delta. Então todo cuidado”, desta vez é ator Mauro Mendonça. E Ney Matogrosso levou a mãe de 99 anos, que também se vacinou.

Para encerrar, uma pesquisa do Instituto Datafolha, divulgada no sábado (18/9), destaca que para 50% dos entrevistados existe a possibilidade de o presidente Jair Messias Bolsonaro tentar um golpe de Estado. Em números: 30% dizem que há muita chance de Bolsonaro dar um golpe de estado, 20% dizem que há um pouco de chance de golpe, 45% dizem que não há nenhuma chance e, por fim, 6% não sabem. A pesquisa tem margem de erro de dois pontos percentuais para mais ou menos.

Sendo assim, melhor golpear este último registro para bem longe. É suficiente ter que enfrentar apenas o coronavírus da COVID–19. Bom domingo a todos.

Nos trilhos
None
(foto: Daniel Protzner/ALMG - 2/7/19 )

Minas Gerais vai ganhar a primeira ferrovia no estado, dentro das previsões da Comissão Pró–Ferrovias, da Assembleia Legislativa (ALMG). Quem anunciou e explicou os detalhes foi o presidente da comissão, deputado João Leite ( foto ), do PSDB. Terça-feira agora, o diretor–geral da empresa Petrocity Portos, José Roberto Barbosa estará na Assembleia para confirmar que conseguiu a autorização do governo federal, prometida pelo Ministério da Infraestrutura, para construir e explorar a estrada de ferro localizada entre os Ipatinga e São Mateus no Espírito Santo.

E tem mais:
O prazo da exploração da ferrovia será de 99 anos. A construção ficara sob a responsabilidade da construtora Odebrechet que terá um representante na Comissão. Terça–feira, José Roberto e João Leite serão recebidos pelo governador Romeu Zema (Novo), no Palácio Tiradentes, às 15h. “É um momento histórico, porque depois de muitos anos, a primeira linha ferroviária, com autorização do governo federal, será construída em Minas”, comemora o deputado tucano.

Mau exemplo
Mensageiro da Paz pela Organização das Nações Unidas (ONU). O escritor Paulo Coelho, mundialmente conhecido, usou o twitter para pedir ao secretário–geral da ONU, António Guterres, que barre a participação do presidente do Brasil Jair Bolsonaro (sem partido) na Assembleia Geral, que será realizada em Nova York. “António Guterres, sei que não pode impedir a entrada de mandatários, mas seria uma vitória proibir a comitiva do presente brasileiro de entrar. Não estão vacinados. O mau exemplo está estampado em todos os jornais do mundo”.

Os jabutis
Aguarda designação de relator um projeto de resolução do Senado que pretende coibir os parlamentares de incluir, no texto de medidas provisórias editadas pelo Executivo, matérias estranhas ao tema — os chamados “jabutis”. A autoria é do senador Lasier Martins (Podemos–RS). Ele alega que a questão tem causado inconvenientes no processo legislativo: “além dos problemas em relação ao prazo curto de análise das MPs por parte do Senado Federal, há frequentes inserções de temas alheios ao que foi proposto originalmente na Medida Provisória (MP)”.

pingafogo
@antonioguterres, sei que não pode impedir a entrada de mandatários, mas seria uma vitória proibir a comitiva do pres brasileiro de entrar. Não estão vacinados – mau exemplo hoje estampada em todos os jornais do mundo Do seu @UN Messenger of Peace.

“O Alquimista” é o livro brasileiro mais vendido. A obra do escritor brasileiro Paulo Coelho, para que fique bem claro, é também um best–seller internacional, o livro escrito por um escritor brasileiro mais traduzido pelo mundo afora.

None
(foto: Pedro França/Agência Senado - 2/10/19)

O Congresso Nacional foi iluminado de laranja, ontem, para celebrar o Dia Mundial do Doador de Medula Óssea, que foi comemorado neste ano no terceiro sábado de setembro. A solicitação da iluminação especial partiu do senador Nelsinho Trad ( foto ), do PSD–MS.

O Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea (Redome) é vinculado ao Ministério da Saúde, sendo o terceiro maior banco de doadores de medula óssea do mundo. Nele constam mais de 5 milhões de doadores cadastrados.

O registro costuma receber, anualmente, mais de 300 mil novos doadores. Bacana isso, né? Sendo assim, um bom domingo a todos. Com esta boa notícia o jeito é decretar o FIM!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade