Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas coluna

Cedro lança a coleção ''Reflexos'', inspirada na resiliência do brasileiro

Com forte apelo tecnológico, produtos foram criados para proporcionar o conforto ao qual o consumidor se acostumou nestes meses sem sair de casa


19/10/2021 04:00

Na foto, modelos vestem ampla saia jeans, jaqueta, blusa de babados e calça larga da coleção 'Reflexos', da Cedro
Modelagens amplas são exploradas na coleção Reflexos (foto: Márcio Rodrigues/divulgação )

Tenho relação especial com a Cedro Têxtil, indústria mineira que trabalha com o brim, um dos tecidos mais importantes produzidos pelo homem. Serve para tudo. Sem falar no jeans, claro, que conquista todos os criadores de roupas da atualidade, vestindo o rico e o pobre com a mesma trama.

Com quase um século e meio de tradição, é uma das principais empresas têxteis do país, com capital 100% brasileiro e capacidade de produzir 168 milhões de metros quadrados de tecidos por ano. De lá saem denims, brins e telas.

Sediada em Belo Horizonte, a empresa gera cerca de três mil postos de trabalho em fábricas localizadas em Sete Lagoas, Caetanópolis e Pirapora. A produtora de jeans e sarjas enfrentou diferentes crises, sendo a pandemia um dos piores momentos para o setor têxtil.

Agora, a Cedro celebra, por meio da linguagem da moda, a capacidade de superação do brasileiro. A coleção Reflexos, que será lançada de 25 a 29 deste mês no showroom da empresa, em São Paulo, trará opções de jeans premium para este momento em que o consumo de vestuário volta a aumentar. Isso ocorre porque, após as crises, uma onda de esperança toma conta dos brasileiros.

Com o avanço da vacinação e a retomada gradual da vida social, a moda entra novamente na vida das pessoas. Inspirada na brasilidade, a coleção Reflexos adotou conceito que remete ao momento em que as pessoas se viram confrontadas pelo espelho e convidadas a reconstruir sua própria imagem.

Eduardo Paixão, gerente de estilo da Cedro, diz que a crise não é só pandêmica, mas econômica e social, fazendo com que olhemos para dentro de nós mesmos.

“Nossa proposta não é utópica. Não esperamos que as pessoas se desliguem de tudo e apenas expressem positividade sem sentido. Por outro lado, sabemos da capacidade ancestral do nosso povo de reagir a situações difíceis”, explica Paixão.

A ideia, segundo ele, é que “as pessoas busquem forças em tudo o que já vivemos, consigam enxergar a beleza de nossa diversidade para tentar dar as mãos e construir um país melhor.”

Fotografado por Márcio Rodrigues, o editorial será apresentado durante o lançamento de produtos com forte apelo tecnológico, criados para proporcionar o conforto ao qual o consumidor se acostumou nesses meses sem sair de casa.

Joanna Carrara, gerente de marketing responsável pelo desenvolvimento de produtos da Cedro, conta que as novidades se chamam Grant, Cárter, Nigata, Randal e Veneto. “Todos distribuídos entre artigos elastizados e superelastizados para proporcionar conforto intermediário, perfeito para modelagens mais amplas e estruturadas, como vem sendo demandado pelo mercado”, diz ela.

Também haverá a oferta de diferentes tingimentos em azul. “Temos grande expectativa em relação ao Randal, elastizado altamente sarjado, pesado e com aspecto vintage, perfeito para todos os tipos de produtos, inclusive os masculinos, por ter visual rústico”, informa Joana Carrara.

O lançamento chega em momento de boas expectativas. “Tudo indica que vamos ter um final de ano favorável, apesar das preocupações com o risco energético, a pandemia e a pressão dos custos”, afirma Fernando Pimentel, presidente da Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção.

Marco Antônio Branquinho, diretor-presidente da Cedro, está otimista. “Em 2022, comemoramos nossos 150 anos e queremos estar muito fortes e saudáveis, com a companhia operando plenamente. Os números indicam que conseguimos retomar a estabilidade operacional, com tendência de crescimento”, adianta.


*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade