Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Na contramão de Jame Olivier

No primeiro trimestre do ano, a União Europeia aumentou em 26% as exportações de carne para a China ante do mesmo período do ano passado


postado em 23/05/2019 06:00 / atualizado em 23/05/2019 11:28

(foto: Luiz Ribeiro/EM/D.A Press)
(foto: Luiz Ribeiro/EM/D.A Press)

Produtores de carne do Brasil sofrem com concorrência europeia

Os grandes produtores de carne do Brasil, que acharam que teriam caminho livre para aumentar suas remessas para a China, foram surpreendidos por rivais de peso. No primeiro trimestre do ano, a União Europeia aumentou em 26% as exportações de carne para a China ante do mesmo período do ano passado. Os chineses estão diversificando as compras de proteína animal depois de a epidemia de gripe suína – ainda não controlada – ter devastado 20% dos porcos do país.

Na contramão de Jamie Oliver
Enquanto a rede de restaurantes do chef britânico Jamie Oliver caminha para a falência, o chef e apresentador de TV brasileiro Edu Guedes investe na ampliação de sua rede de restaurantes de alimentação saudável, o Saladenha. Atualmente com nove unidades espalhadas entre a capital e interior paulista, além dos estados do Rio de Janeiro e Santa Catarina, Guedes projeta a abertura de 60 unidades até 2021.

"Aperfeiçoar a paciência é tudo o que fiz nos últimos 50 anos" Luiz Alves Paes de Barros, lendário investidor da bolsa brasileira

40% é quanto os geeks – aqueles que gostam de temas como tecnologia, jogos, histórias em quadrinhos, heróis, filmes, livros, séries e cultura pop – gastam mais nas compras virtuais do que a média brasileira. A pesquisa é da multinacional japonesa Rakuten, especializada em soluções para o e-commerce.  

Nike, Adidas e Puma se unem contra guerra comercial de Trump
Concorrentes no mercado global de materiais esportivos, Nike, Adidas e Puma se juntaram a 170 marcas de tênis e varejistas para criticar as tarifas impostas pelo presidente americano, Donald Trump, a calçados importados da China. O manifesto assinado pelas empresas alega que a medida seria “catastrófica” para a população dos Estados Unidos, que pagaria muito mais pelos produtos. As companhias estimam que o aumento das tarifas encareceria tênis e roupas em US$ 7 bilhões.

Klabin procura funcionários
A Klabin, uma das maiores empresas de papel do país, está em busca de 11 mil funcionários para a construção da unidade industrial no município de Ortigueira, no Norte do Paraná. A seleção será intermediada pelo Departamento do Trabalho da Secretaria da Justiça, Família e Trabalho. A companhia estima iniciar as atividades da nova planta em 2021, dentro de um plano de investimento de R$ 9,1 bilhões.

A força empreendedora da terceira idade
Abrir uma empresa é um desafio para jovens, certo? Não é bem assim. Levantamento recente do Sebrae mostra que, em uma década, o número de empreendedores com mais de 50 anos cresceu 57% no país. As crises dos últimos anos e velhos preconceitos certamente contribuíram para o avanço, mas há outros fatores. “Muita gente experiente escolhe sair de um bom emprego para ter o próprio negócio”, diz Mauricio Turra, sócio da Nextt49+, hub de inovação voltado para o mercado de empresários com mais de 49 anos.

RAPIDINHAS

Quase metade dos brasileiros (49%) com contas em atrasos negociam suas dívidas por meio de canais digitais – portais de internet, chats, WhatApp, Telegram, entre outros. É o que revela uma pesquisa do Instituto Geoc. Segundo a enquete, que consultou mais de 2,4 mil pessoas, em 2018 houve um avanço de 20% no volume de renegociações por meio de canais digitais. 

A cervejaria Colorado, que faz parte do portfólio da Ambev, definiu uma meta curiosa para 2019: lançar um rótulo por mês. A ideia surgiu depois de a empresa detectar que os consumidores de cerveja estão sedentos por novidades. Neste mês de maio, lançou uma bebida com mate e limão.

O grupo mineiro Ferroeste, que opera usinas no segmento de aço, energia e combustível, lançou uma série de iniciativas para melhorar a sua performance digital. Entre elas, mudou o serviço de suporte de sistemas para a Rimini Street, provedora global de softwares empresariais. Apenas com essa iniciativa a Ferroeste estima economizar R$ 2 milhões nos próximos anos.

O presidente do Grupo Energisa, Ricardo Botelho, receberá hoje, em Belo Horizonte, o prêmio Industrial do Ano. A distinção é concedida pela Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (FIEMG) a empresários que colaboram para o desenvolvimento de Minas Gerais e do país.

 


Publicidade