SIGA O EM

Aécio recomeça campanha em São Paulo, em ato com trabalhadores

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 07/10/2014 14:01 / atualizado em 07/10/2014 14:34

Agência Estado

O candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, deu a largada em sua campanha de rua neste segundo turno, em uma obra da construção civil na zona sul da capital paulista. "Fiz questão de que meu primeiro ato de rua fosse com os trabalhadores", disse o tucano, ao lado do governador reeleito por São Paulo, Geraldo Alckmin, do senador eleito Jose Serra e do presidente do Solidariedade, Paulo Pereira da Silva, o Paulinho.

Em cima de um carro de som, José Serra disse que ele e Alckmin bateram na trave, numa referência às disputas que perderam para a Presidência da República. "Agora, Aécio vai acertar no meio do gol." Aécio fez um discurso voltado para os trabalhadores que, na hora do almoço, acompanhavam o encontro. "Agradeço a extraordinária votação que tive em São Paulo, somos um time, todos ao meu lado estão eleitos, tenho metade do rio para atravessar."

Além do aceno à classe trabalhadora, o tucano também procurou se aproximar ainda mais da possível aliada neste segundo turno, senadora Marina Silva, dizendo que representa a nova política, bordão utilizado pela ex-senadora no primeiro turno. "Estou pronto para liderar um projeto em favor do Brasil, em favor de uma nova política, em favor de uma construção coletiva e, para isso, reitero o que tenho dito nas reuniões, nossa proposta de governo é sempre aberta a novas contribuições."

O presidenciável tucano voltou a dizer que está sentindo nas ruas um sentimento amplo de mudança. "Estou pronto para liderar um projeto a favor do Brasil e farei uma campanha propositiva, baseada em valores", disse, numa referência ao embate que terá neste segundo turno com a presidente e candidata à reeleição pelo PT, Dilma Rousseff. Aécio disse que amanhã, em Brasília, ele estará reunido com os correligionários que participaram dessas eleições, vitoriosos ou não, para uma confraternização e para um esforço concentrado neste segundo turno em prol de sua candidatura.
Comentários O comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.