12°/ 21°
Belo Horizonte,
28/JUL/2014
  • (55) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Estacionamento rotativo de BH tem engarrafamento de infrações Com poucos agentes para fiscalizar o trânsito, motoristas apostam na impunidade e ignoram regras ao parar nas ruas de BH. Mesmo aumentando 120%, multas não refletem realidade

Junia Oliveira -

Felipe Canêdo

Publicação: 22/06/2012 06:00 Atualização: 22/06/2012 06:41

Fiscal pune motorista de carro parado sem tíquete em área regulamentada: média diária de autuações por desrespeito às normas mais que dobrou este ano, pouco para intimidar infratores (Cristina Horta/EM/D.A Press)
Fiscal pune motorista de carro parado sem tíquete em área regulamentada: média diária de autuações por desrespeito às normas mais que dobrou este ano, pouco para intimidar infratores

A placa indica o tempo máximo de permanência e não deixa dúvida: a vaga deve estar disponível para ser usada por várias pessoas, por diversas vezes. Mas, nos painéis dos carros que circulam por Belo Horizonte, as folhas de estacionamento rotativo viraram raridade. Mesmo quando elas marcam presença, o que era para durar um período determinado se arrasta por horas e horas. Não foi à toa que apenas nos primeiros quatro meses do ano, de acordo com o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MG), Belo Horizonte registrou média diária de 429 multas aplicadas a motoristas que usam e abusam do sistema. O número representa aumento de 120% em relação à média do ano passado (195/dia). O total de ocorrências de janeiro a abril de 2012, 51.875, já chega perto da quantidade verificada ao longo de todo o ano de 2011, quando houve 71.344 punições.

Embora a média tenha mais que dobrado, os números poderiam ser bem maiores se a fiscalização caminhasse na mesma proporção do aumento da frota na capital. Autoridades de trânsito e especialistas atribuem o aumento de multas ao fato de motoristas terem optado por confiar na impunidade, já que o efetivo de fiscais anda à míngua. De acordo com a BHTrans, o rotativo está distribuído por 14 áreas da capital, ao longo de 777 quarteirões. São 20.466 vagas físicas que, se usadas corretamente, geram 90.452 oportunidades de paradas de veículos por uma, duas ou cinco horas.

Para monitorar todo esse enorme estacionamento de mais de 90 mil vagas e ainda dar conta de outras ações que deveriam ser fiscalizadas no trânsito – de acidentes a controle de emissão de poluentes –, a cidade conta com 447 policiais militares do Batalhão de Trânsito e cerca de 300 guardas municipais. Resultado: muitos condutores ignoram o término do horário do rotativo e deixam os carros parados por mais tempo que o permitido ou simplesmente ignoram o uso do tíquete. Outros trocam a folha, o que também é irregular. De acordo com a BHTrans, depois de vencido o tempo regulamentar, por lei, o carro deve ser levado para outra vaga.

A sensação é de que muita gente tem preferido tomar a multa – leve, no valor de R$ 53,20 – a investir no talão de rotativo, que custa R$ 29 (10 tíquetes) e pode ser adquirido até pelo site da BHTrans, ou mesmo comprar folhas avulsas. O flanelinha Edmar Pedro dos Santos é um que tem sentido a queda nos negócios. “Ultimamente não estou vendendo muito, porque as pessoas não estão usando mesmo. A maioria prefere arriscar”, diz.

O comandante do Batalhão de Trânsito de BH, tenente-coronel Roberto Lemos, é enfático: “O motorista não tem usado o rotativo. As pessoas não acreditam que serão punidas e contam com a sorte. Como a frota cresceu muito e a cidade tem poucas vagas, muitos estão arriscando. O descumprimento ocorre em todo sentido e chega até a parada em carga e descarga e em locais onde é proibido parar e estacionar”. Segundo ele, foi criado um contingente específico, em conjunto com a BHTrans e a guarda, apenas para fiscalizar estacionamento irregular na capital.

O consultor de trânsito Osias Batista tem a mesma percepção. “Tem gente que acha que está ‘dando o cano’ apenas no dinheiro da BHTrans, mas na verdade está prejudicando outras pessoas que querem estacionar”, alerta. Ele cobra melhoria na fiscalização e ressalta que a função desse tipo de estacionamento, que é fazer com que haja vagas disponíveis, não está sendo cumprida.

Para Batista, a opção pelo desrespeito é clara. “Quem quer fazer alguma coisa rápida e não encontra vaga muitas vezes aposta na probabilidade estatística de não tomar multa.” Segundo o consultor, quando há uma fiscalização razoável, 40% das pessoas infringem, mas quando a vigilância é falha, essa média chega a 70%. “O número hoje deve ser em torno de 50%. Se são registradas 428 multas diárias, quer dizer que eles não estão multando ninguém”, diz.

A cada quarteirão, um festival de desrespeito

Com os motoristas escolhendo apostar na sorte em vez de obedecer à lei ao estacionar em vagas do sistema rotativo, não é difícil constatar infrações em todas as áreas da capital. Em pouco tempo, a equipe de reportagem do Estado de Minas flagrou dezenas de carros em situação irregular em algumas das áreas mais movimentadas da capital. Em apenas um quarteirão da Avenida Brasil, na altura da Rua Ceará, no Bairro Santa Efigênia, Região Leste, eram cinco carros estacionados em desacordo com as normas.

No Centro, em uma quadra da Rua Guajajaras, nove carros estavam sem talão ou com a folha preenchida de forma errada. No quadrilátero formado pelas ruas Tomé de Souza, Sergipe, Antônio de Albuquerque e Levindo Lopes, na Savassi, foram flagrados 26 veículos estacionados irregularmente. E, no fim da tarde, no quarteirão da Rua Maranhão, entre Gonçalves Dias e Cláudio Manoel, 22 carros estavam sem a folha do rotativo.

A empresária Luiza Pillar, de 24 anos, tentou parar seu carro três vezes na tarde de ontem, na Rua Sergipe, na altura da Savassi, uma delas em local proibido. O guarda municipal Geraldo Magela Aguilar chamou a atenção da jovem, que se justificou: “Parei no lugar errado, mas não sabia. Então ele veio me orientar”, disse, enquanto preenchia o talão para estacionar.

Mas quando faltam agentes para advertir ou orientar, não falta quem abuse. No meio da tarde de ontem, na tumultuada Rua Guajajaras, um sedã prata esperava pacientemente na fila dupla, com o pisca-alerta ligado. A condutora, a estudante Naiara Pereira da Silva, de 22 anos, descansava o pé no painel do carro enquanto fazia palavras cruzadas, apoiando a revista no volante do veículo do pai. “Multa é o que eu mais recebo”, admitiu. E completou: “Meu pai fica bravo, mas quem paga é o meu namorado”.
Tags: celular

Esta matéria tem: (55) comentários

Autor: VAN DER GRAAF
Lady Lu, abraços efusivos. | Denuncie |

Autor: Full Metal Jacket
Então, lady Lu, vamos criar o personagem Peter Hammill em homenagem ao nosso motorista. Já já ele estará nas paradas . | Denuncie |

Autor: Luciana Grimaldi
Vc veio com a turma toda, hein?... ate' as amigas bixinhas entraram para um ligeiro arraso. kkkkkkk | Denuncie |

Autor: Luciana Grimaldi
Ei Full... tempao nao te vejo por aqui - meu motorista e' fanzao do Van der Graaf - so' coloca progressivo na mercedinha... bjs | Denuncie |

Autor: demonya kham
Os cagatrans agora arrecadam do mesmo jeito so que agora sem fazer nada , trocar os bloquinhos por radares , lucram mais do que tudo, eu sou esperto, na região do lourdes fica o porteiro ele fica com minha chave , quando ele ve o cagatrans ele corre e deixa o faixa la , eles vao embora ele tira, econ | Denuncie |

Autor: demonya kham
Na area hospitalar ao estacionamento do extra central park tão lucrando com a cagatrans, canso de ver o povo do estacionamento do extra pedindo pra estacionar la dentro ate eles querem tirar um pedaço , isto e uma vergonha. | Denuncie |

Autor: Bruno Alberto
Marconi e Samuel, seus lindo! | Denuncie |

Autor: Bruno Alberto
Povo vai pros eua e sai arrotando que lá tem lei bla bla bla. Aí, quando pousa, toda a "educação de primeiro mundo" vai por água abaixo... | Denuncie |

Autor: Thomaz Turbahndo
E a minha amiga lady Lu sempre dócil e cortêz nos comentários. | Denuncie |

Autor: MARCELO FREITAS
Mas que mala sem alça esse Márcio, meu. | Denuncie |

Autor: SAMUEL TORRES
Pô, poderoso o Márcio, hein. O cara já esteve até nos Estados Unidos. Puxa vida. | Denuncie |

Autor: MARCONI GOMES
Ai, credo, o Pedro Vieira já esteve em Denver/ Colorado, gente, que chique. Então, Denver existe mesmo. Eu achei que era só em filmes de TV que existia Denver. Que horror, tô chocado! | Denuncie |

Autor: Ronaldo Araujo
Agora na boa? Esse tal Marcos Correa aee, tá adorando a Atenção qeu voces estão dando pra ele, isso ai a vida ensina... Ignorem! | Denuncie |

Autor: Ronaldo Araujo
Esse cara ai , tem que fingir que nem leu oque ele postou, agora o outro que tá cobrando quanto aos caixas eletronicos,kkkk me poupe vei, a GM num tem nem revolver vai correr atras de bandidos de caixa eletronico? kkkk Faz me Rir! | Denuncie |

Autor: Pedro Vieira
Vão em Denver/CO EUA. A rua imensa vazia e se respeita o parquimetro. Se passar da hora ou da posição de estacionar, multa. Uma vergonha isto aqui. Começa pela total falta de organização e infraestrutura. Termina na falta de educação da maioria (cansada da incompetência e abandono das autoridades)... | Denuncie |

Autor: Rodrigo Brito
A reportagem só esqueceu de mencionar que nos quarteirões da av. francisco sales com rua ceará, virou terra de ninguém, só ontem foram 4 carros com vidros quebrados, essas informações podem ser confirmadas pela PM, colocar rotativo pra quê? | Denuncie |

Autor: Rodrigo Andrade
Marcio Correa Filho, quando seu carro for REBOCADO, todos aqui vão rir da sua cara. Você é um retrato fiel da educação do povo de Belo Horizonte. | Denuncie |

Autor: wilson junior
O foco da GM autuando não passou aos leitores que a prefeitura arrecada. E se compararem por agente /hora. A GM versus Bhtrans , a GM autua mais e mais....muito maissss | Denuncie |

Autor: karen Morais
sendo assim dava tempo de colocarem o talão no carro dos clientes. infelizmente é corrupção pra tudo quanto é lado... com bhtrans, guarda municipal... os únicos prejudicados são os trabalhadores que para conseguir ir trabalhar tem que enfrentar esse caos da falta de organização e competência. | Denuncie |

Autor: karen Morais
Nas redondezas da av Getúlio Vargas os flanelinhas cobram 180,00 por mes para conseguir vaga para estacionar. E quem não paga não consegue estacionar. Quando perguntei sobre talão me informaram que os fiscais( bhtrans e guarda municipal) avisavam antes de começar as autuações... sendo assim dava temp | Denuncie |

Autor: vanessa Goncalves
Bom, as pessoas se acostumaram com a impunidade e o exemplo disto começa por cima. Se tivéssemos governos corretos e respeitasse o direito do cidadão tbm. O povo vê todo mundo errando e ai vai e faz o mesmo. Não concordo com este abuso, mas infelizmente é isto que ta acontecendo, Rui Barbosa disse b | Denuncie |

Autor: Luciano Luciano Fonseca
Por existir coisas como o Marcio Correa Filho, é que BH está desta maneira. Este é um que se considera "esperto", não notando que é um tremendo idiota. Deveria ter vergonha de dizer isto, perante a incompetência dos órgãos reguladores do trânsito em BH. | Denuncie |

Autor: Marcos 546
Para dar multa a cachorrada passa o dia todo trabalhando e por que eles não parecem quando os bandidos botam fogo nos caixas eletronicos? | Denuncie |

Autor: Marcio Correa Filho
Tâo quase aprovando a lei que libera de punição multas medias e leves.... Agora placa de 60 pra mim vai virar 70.... Estacionamento... vai ser emcima até do canteiro central.... Fila dupla é DIREITO... Vaga de idoso ou deficiente.... vou disputar com o resto da pupulação que já estaciona diariamente! | Denuncie |

Autor: Bruno Alberto
Parabéns pelo seu "célebro" privilegiado, Márcio Correa Filho. É gente como você que faz o mundo mais feliz, SÓ QUE NÃO. | Denuncie |

Autor: Marcio Correa Filho
Quando viajei para os EUA não quebrei nenhuma regra pois lá sei que a lei é cumprida! Agui é terra de ninguém... cada um faz o que quer! Tô cagando e andando... E garanto que vai piorar... | Denuncie |

Autor: Marcio Correa Filho
Se algum dia voltarem a multar e punir quem sabe volto a respeitar alguma lei??? | Denuncie |

Autor: Marcio Correa Filho
Tô pouco me lixando carolina... Viro na contra mão sim, avanço sinal.... Faço retorno onde quero... Sem BHtrans multando.... E só vagabundo trabalhando na militar.. Não me preocupo mais! Pra que cumprir lei se não tem punição??? | Denuncie |

Autor: Marcio Correa Filho
É isso ae cristina.. Se a lei não tem punição é o mesmo que não existir! Se o governo não vai punir... Pra que eu vou cumprir... | Denuncie |

Autor: Marcio Correa Filho
CAro saulo.. Se não há punição não há lei! Portanto, se ninguém vai me punir, não vou pagar rotativo! | Denuncie |

Autor: Prime Time 85
No centro, existem rotativos para até duas horas, e eu nunca acho vaga. Quem para, certamente está abusando do tempo. Fiscalização e punição não existem. | Denuncie |

Autor: Rodrigo Andrade
O problema são as pessoas que usam carro por pura vaidade. Podem ir ao trabalho ou passear usando transporte coletivo ou até mesmo andando. Mas preferem andar de carro. Aí o trânsito fica um caos, lota a cidade de carro e os rotativos viram essa confusão aí. Mais uma vez a culpa é da população. | Denuncie |

Autor: Carlos Fernandes
Carolina Patricia Andrade, você tem razão, é gente desse tipo que pensa em levar vantagem prejudicando outros. A impunidade campeia pelas ruas de BH, sou a favor da volta da BHTRANS às ruas. | Denuncie |

Autor: Mauro rENATO
Até por quê o cidadão já paga impostos diversos para ter qualidade de serviços referentes ao veículo e à trafegabilidade e não os tem. A cobrança deste rotativo para mim é bi-tributação e, portanto, anticonstitucional. Mas é isto que está prevalecendo neste país, semelhante aos seus gestores, ilegal | Denuncie |

Autor: Mauro rENATO
Existe uma lei municipal que reza que a responsabilidade pela integridade do veículo estacionado é de quem cobra pelo serviço/explora o estacionamento. Qual a responsabilidade do município nos estacionamentos rotativos? Nenhuma. Nenhuma mesmo. Então não condeno quem burla este sistema desonesto. | Denuncie |

Autor: Carolina Patricio Andrade
Márcio Correia filho,você é um tremendo ignorante.São pessoas como você que estragam este pais. | Denuncie |

Autor: Cristiano Barros
Povo mal educado é assim mesmo: só cumpre as regras e as leis se existe fiscalização. No Brasil parece que só existem pessoas que pensam em seu próprio benefício e esquecem do resto da sociedade. A ética não chegou por aqui ainda. Tem ter gente cobrando para fazer a coisa certa. Parecem crianças. | Denuncie |

Autor: Saulo Caires
O nome disso é "jeitinho brasileiro" todos fazemos e achamos bonito e somos um povo esperto! Como vamos exigir dos politicos seriedade e honestidade? Quando paramos e não colocamos o talão, isto tem nome: CORRUPÇÃO, estamos corrompendo o sistema a nosso favor! MUDEMOS JÁ! EU TENHO CORRIGIDO E VOCÊ? | Denuncie |

Autor: 32870391 32870391
Mais vale multar do que arrecadar com a venda do rotativo... é a fábrica de multas. | Denuncie |

Autor: Thiago Sá
Queria ver essa reportagem vir ao Barro Preto. Aqui, passou um minuto é multa na certa! Tem rua aqui que sempre foi tranquilo de parar, mas colocaram rotativo de 5 horas... É a mensalidade da prefeitura. | Denuncie |

Autor: lucas herrera
"90.452 oportunidades de paradas de veículos por uma, duas ou cinco horas." VOU COMPRAR UM NARIZ DE PALHAÇO | Denuncie |

Autor: lucas herrera
SÓ PRA FINALIZAR.... ONDE JÁ SE VIU BAIRROS RESIDENCIAIS COM FAIXA AZUL?? AGORA A POPULAÇÃOP TEM PAGAR TMB POR ISSO. | Denuncie |

Autor: lucas herrera
3,50 cada faixa azul. Que trabalha o dia todo precisa de pelo menos 4. Só aí ja é 15,00 por dia. Agora multiplica por 21 dias uteis. Resultado: 315,00 reias a menos no bolso do trabalhador, sem nenhuma garantia caso roubem seu veiculo. MARAVILHA. | Denuncie |

Autor: lucas herrera
Ta do jeito que eles gostam. Faturando até não caber mais no bolso do politico. Se fosse revertido p/ algo bom até iria. Mas pra encher politico de luxo fica dificil. Onde já se viu cobrar por uma coisa que não responsabilizam. e a população trouxa obrigada a pagar.... | Denuncie |

Autor: Ark Souza
Estranho !! A 3ª Companhia do Batalhão de Trânsito da Polícia Militar, tem mais de 320 homens. É sr comandante vamos colocar a o pessoal para trabalhar... | Denuncie |

Autor: Marcio Correa Filho
Quando a BHtrans multava, gastava em torno de 60 reais de rotativo mensal. No mês seguinte em que foi proibida, nunca mais gasteri nenhum centavo em um ano paguei 2 multas e sai no lucro de mais 500 reais. Nunca mais pao rotativo e não movo meu carro... Chego cedo e ocupo a vaga o dia interim! | Denuncie |

Autor: Flavio Fagundes
A Fiscalização é devida e pertinente. Mas a polícia se acomodou em apenas fiscalizar carros parados ao inves de autuar aqueles que atrapalham realmente o transito. Se fizessem uma fiscalização na Nsa. Senhora do Carmo teriam evitado o acidente passado assim como melhoraria o transito nos cruzamentos | Denuncie |

Autor: Lucas Guastaferro
Vamos esperar os comentários da turma que se acha acima das regras reclamar da "indústria das multas". É a mesma turma que acha que placa de velocidade máxima e sinal vermelho é decoração para a via. | Denuncie |

Autor: Antonio Carlos Rosa
O desrespeito a normas de trânsito é flagrante em toda região metropolitana,mas o efeito é mais evidente onde o movimento de veículos é intenso.Acho que a fiscalização tem que ser efetiva em parceria da guarda municipal e o batalhão de trânsito. | Denuncie |

Autor: Wallace Vidigal
Depois reclamam que é uma indústria da multa. Claro que é, pois a própria população não respeita mesmo. Pare em algum semáforo na Afonso Pena como pedestre. Sempre tem alguém avançando sinal a cada tempo de parada. | Denuncie |

Autor: ricardo cardoso
QUEM E INFRATOR , O MOTORISTA OU AUTORIDADE.MOTORISTA PAGA IMPOSTO DO VEICULO DELE PAGA MULTA. A AUTORIDADE RECEBER POR EXISTIR O MOTORISTA. POR TANTO A NOSSA AUTORIDADE NAO FAZ NADA PELO MOTORISTA , PENALIZA SEM DAR OS SERVIÇOS NECESSARIOS PARA CIRCULAR PELAS VIAS SEUS PE NO SACO | Denuncie |

Autor: Bruno Alberto
É por causa de gente vazia como essa mimadina Naiara aí que a cidade está cada vez pior. Sugestão pro EM: estacionamento em local proibido, o que mais acontece na Raja, inclusive por muitos devogados que circulam por lá, que tal? | Denuncie |

Autor: Voltaire Lemos
Precisa dizer alguma coisa? O deboche da estudante diz tudo. Mas não culpo essa garota não, pois num país onde a Lei beneficia o bandido, o que podemos esperar? | Denuncie |

Autor: domicio junior
O cidadão reclama ,mas o brasileiro gosta da lei de gerson,LEVAR VANTAGEM EM TUDO,DEPOIS RECLAMA DOS POLITICOS QUE TEM.OS POLITICOS SÃO O ESPELHO DA SOCIEDADE | Denuncie |

Autor: Luciana Grimaldi
Gentes... ja' levei tanta multa por causa de estacionamento proibido que resolvi contratar um motorista para ficar rodando enquanto eu faço o que preciso. Está saindo bem mais em conta e ainda colaboro com a melhora do nível de emprego no país - recomendo a todos vcs... bjs, Luciana. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.