Publicidade

Estado de Minas RAPIDINHAS

VW Virtus GTS chega por R$ 104.940


postado em 15/02/2020 04:00

(foto: Volkswagen/Divulgação)
(foto: Volkswagen/Divulgação)

 
Depois do Polo, chega a vez da Volkswagen lançar o Virtus GTS. Assim como no hatchback, a versão esportiva do sedã também chega com preço sem noção: a partir de R$ 104.940. É isso mesmo, Virtus mais caro que Jetta, que é vendido a partir de R$ 99.990. O motor é o mesmo das versões mais pacatas do Jetta, um 1.4 turboflex com 150cv de potência e 25,5kgfm de torque, sempre combinado ao câmbio automático de seis marchas. Com este conjunto mecânico, o Virtus GTS acelera até os 100km/h em 8,7 segundos e atinge a velocidade máxima de 210km/h.
 
No visual, o Virtus GTS traz faróis full LED, para-choque mais imponente e grade tipo colmeia com a logo “GTS” e um filete vermelho que liga os faróis. As rodas são diamantadas com 17 polegadas. A traseira tem lanternas escurecidas e o defletor pintado em preto brilhante, assim como as capas dos retrovisores. O interior tem teto, bancos e laterais de porta na cor preta. Os bancos dianteiros têm formato esportivo. O motorista também conta com painel de instrumentos digital configurável. Entre os equipamentos de série, destacam-se chave presencial e sistema de som Discover Media (com tela de 8 polegadas e navegação).
 
(foto: Volvo/Divulgação)
(foto: Volvo/Divulgação)
 
 
Sueco na tomada

A Volvo abriu pré-venda do XC40 T5 R-Design, versão híbrida plug-in do seu SUV compacto, por R$ 229.950. Em conjunto, os motores elétrico e a combustão entregam 262cv de potência e 43,3kgfm de torque. É o suficiente para acelerar até os 100km/h em 7,3 segundos. Somente no modo elétrico (Pure), o XC40 T5 Plug-In Hybrid roda cerca de 47 quilômetros, o suficiente para deslocamentos urbanos. O utilitário-esportivo é equipado com as teclas Hold, que bloqueia o uso da bateria para uso posterior, e a Charge, que recarrega até um terço da bateria com o uso do motor à combustão. 
 
 
(foto: Porsche/Divulgação)
(foto: Porsche/Divulgação)
Macan GTS

A Porsche começou a vender o Macan GTS no Brasil por R$ 495 mil. Trata-se da versão esportiva do SUV compacto, equipado com motor V6 2.9 biturbo que rende 280cv de potência e 53kgfm de torque. Junto ao câmbio automatizado de dupla embreagem de 7 marchas, o bólido acelera até 100km/h em 4,7 segundos e alcança velocidade máxima de 261km/h. A versão apimentada traz pacote Sport Design de série, com vários elementos pintados em preto, saias laterais, faróis em LED, chassi rebaixado em 15 milímetros, rodas de 20 polegadas, pinças de freios vermelhas e os frisos em preto com alto brilho.
 
(foto: Ford/Divulgação)
(foto: Ford/Divulgação)
Na “lata”

A Ford já começou a entregar unidades da série especial Liquid Carbon do GT 40. Inicialmente, o foguetinho que teve potência ampliada para 669cv seria fabricado apenas por dois anos, em não mais que mil unidades. Porém agora, com a grande demanda, a produção foi estendida até 2022, com mais 1.350 unidades. Com carroceria e rodas em fibra de carbono aparente, com apenas um verniz especial que realça as formas esculpidas e a beleza do material de alta tecnologia, o bólido é equipado com um V6 3.5 EcoBoost biturbo. Seus opcionais incluem porcas de rodas de titânio, cintos de competição de seis pontos, cinco versões de acabamento interno e cinco cores de pinça de freio. 

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade