Publicidade

Estado de Minas

Vários diretores do Twitter deixam a empresa


postado em 25/01/2016 06:40 / atualizado em 25/01/2016 06:56

A rede social Twitter, que vive um momento difícil, anunciou no domingo a saída de quatro vice-presidentes e do diretor de aplicativos de vídeo, que vai trabalhar no Google.


"Fico triste de anunciar que Alex Roetter, Skip Schipper, Katie Stanton e Kevin Weil optaram por deixar a empresa", escreveu o presidente e fundador do Twitter, Jack Dorsey, em sua conta pessoal na rede.


Com a a saída dos vice-presidentes, o Twitter perde quatro dos nove integrantes da equipe executiva da empresa.


Alex Roetter e Kevin Weil, os vice-presidentes de Engenharia e Produtos, respectivamente, estavam na empresa há cinco anos, assim como Katie Stanton, responsável pelos meios de comunicação. Brian "Skip" Schipper era diretor de Recursos Humanos.


De forma separada, Jason Toff, que dirigia a equipe do aplicativo de vídeo Vine, também anunciou sua saída do Twitter para trabalhar no Google.


A imprensa americana havia antecipado no domingo a saída dos executivos. Algumas publicações citaram demissões.


De acordo com o Wall Street Journal, no ano passado Jack Dorsey impôs como condição para voltar a dirigir a empresa a substituição do conjunto do conselho de administração, integrado também por Evan Williams, cofundador da empresa e um dos principais acionistas individuais do Twitter.


Dorsey retornou à presidência do grupo com o objetivo de dar um segundo impulso à empresa.


Os investidores estão preocupados com as perspectivas de crescimento do Twitter, que registrou uma forte queda em sua cotação na Bolsa nas últimas semanas. O número de usuários do Twitter aumentou de maneira considerada muito lenta nos últimos trimestres.


No final de setembro, o Twitter reivindicava 320 milhões de usuários em todo o mundo, apenas quatro milhões a mais que três meses antes.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade