Publicidade

Estado de Minas

Robô Philae tentará pousar no cometa 67P em novembro


postado em 17/09/2014 09:54 / atualizado em 17/09/2014 10:06

Cientistas monitoram trajetória do robô(foto: AFP PHOTO / ERIC CABANIS )
Cientistas monitoram trajetória do robô (foto: AFP PHOTO / ERIC CABANIS )
 

PARIS - O robô-laboratório Philae, transportado pela sonda europeia Rosetta, tentará aterrissar em meados de novembro no núcleo do cometa 67P/Churiumov-Guerasimenko, indicou nesta segunda-feira a Agência Espacial Europeia (ESA).

A missão Rosetta, lançada há 20 anos pela ESA, tem o objetivo de estudar, tanto à distância como no terreno, os gases, a poeira, a estrutura do núcleo e os materiais orgânicos do cometa.

Os cientistas pré-selecionaram cinco possíveis lugares de pouso, algo que até agora não foi tentado, e escolheram o local batizado de J como o objetivo principal.

"J é um lugar que apresenta menos riscos, apesar destes continuarem sendo muito elevados", afirmou Stephan Ulamec, chefe do sistema de pouso do Philae.

Entre a separação de Philae da sonda Rosetta, que estará então a 10 km do cometa, e seu pouso efetivo passarão sete horas.

A tentativa de pouso está prevista para 11 de novembro, mas a confirmação será dada em 26 de setembro.

O projeto tem um custo de 1,3 bilhão de euros e deve durar até dezembro de 2015.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade