Publicidade

Estado de Minas

Confira oito dicas para viciados em smartphones

Pesquisa constatou que jovens adultos enviam uma média de 110 mensagens de texto por dia e checam e-mails 60 vezes por dia


postado em 13/08/2013 11:38

Controle sua perigosa compulsão por usaro smartphone (foto: ©Kzenon/shutterstock.com)
Controle sua perigosa compulsão por usaro smartphone (foto: ©Kzenon/shutterstock.com)
Constantemente amarrado ao seu smartphone? Especialistas pedem atenção. Enquando o vício no gadget pode ser difícil de ser diagnosticado e socialmente aceitável, muita atenção à tecnologia pode atrapalhar sua capacidade de concentração. Veja oito dicas para ter sua vida de volta, agora.

"Muita informação pode oprimir nossos sentidos e nos fazer sentir esgotados", diz Courtney Stewart, pequisadora no Indiana Prevention Resource Center, nos EUA.

"Estudantes e outros podem perder a habilidade de concentração nas tarefas, seja na escola, no trabalho ou em uma conversa importante", ela diz. "Prazos podem não ser respeitados, a atividade escolar pode ser prejudicada e muitos instrutores e empregadores têm banido o uso de celulares no trabalho." Pior, caminhar ou dirigir enquanto se está distraído com o celular pode gerar consequências ainda mais sérias.

"Então larque o celular e gaste o tempo falando com seus amigos pessoalmente ou, melhor ainda, caminhe com seus amigos se quiser se conectar, fazendo um exercício que vai melhorar o seu humor."

Mas seríamos nós realmente viciados? Um estudo de 2012, da Baylor University, no Reino Unido, concluiu que o vício em celulares é gerido pelos mesmos impulsos que os gastos exorbitantes com cartões de crédito e compras compulsivas. Uma pesquisa anterior constatou que jovens adultos enviam uma média de 110 mensagens de texto por dia e checam e-mails 60 vezes por dia.

Outro estudo de 2011, do International Center for Media & the Public Agenda da Universidade de Maryland, registrou reações de estudantes de todo o mundo que concordaram em ficas 24 horas sem smartphone. Os participantes da pesquisa mostraram ansiedade e depressão no tempo de abstinência.

Se você acha que pode ser um obcecado pela tecnologia, Stewart dá oito dicas para se livrar do vício.

1. Desligue o seu celular (não coloque apenas no silencioso) enquanto estiver no cinema, ou deixe-o no carro quando estiver com amigos.

2. Jante sem seu celular por perto e nunca o deixe na mesa enquanto come.

3. Desligue o seu celular enquanto estiver em uma atividade ou encontro.

4. Resista ao impulso de twitar ou atualizar o Facebook no trabalho.

5. Dê uma volta com um amigo, uma criança ou um animal de estimação e deixe o celular em casa.

6. Troque um jogo no celular por um jogo com amigos na vida real.

7. Consulte o mapa antes de entrar no carro para evitar distrações na hora de dirigir.

8. Nunca envie mensagens enquanto estiver dirigindo.

 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade