Publicidade

Estado de Minas

Brincando com o Google


postado em 09/05/2013 12:00 / atualizado em 09/05/2013 12:38

B.Piropo

 

Todo o mundo conhece o Google através de suas pesquisas, mapas, correio eletrônico, Google Drive e outros tantos programas. Mas quem conhece as brincadeiras que são criadas para homenagear certas datas e eventos? São surpreendentes e divertidas. Aqui vão algumas delas.

Na caixa de pesquisas do Google, entre com “Google Gravity” (sem aspas) e clique em “Estou com sorte” (se você tiver habilitado a busca instantânea do Google, onde aparece uma lista de expressões abaixo da caixa de pesquisas enquanto você digita, o atalho “Estou com sorte” desaparece da tela; mova o ponteiro do mouse até qualquer linha das expressões e ele reaparece à direita dela). Depois do clique, veja o Google desabar...

Simplesmente efetue uma pesquisa pela palavra “askew” (que em inglês significa “torto”, “inclinado”, “enviesado”) e veja o texto se inclinar na tela. Essa vale em português, mas somente é entendida pelos programadores e outros tantos entortadores de bytes. Busque pela palavra “recursão” e veja, logo abaixo, Google perguntar “Você quis dizer: recursão”. Não vou explicar. Uma pista: tem a ver com funções recursivas.

Entre na caixa de endereços (naquela onde se entra com os URLs ou “endereços internet” de seu navegador) com o endereço: http://www.google.com/mentalplex/, tecle Enter e veja aparecer uma página, infelizmente apenas em inglês, com uma animação (um círculo com faixas azuis e vermelhas girando para aparentar um efeito hipnótico; este é o MentalPlex). A página oferece um meio de efetuar buscas usando apenas a mente. Depois, chame um parente ou amigo menos versado em informática (e, preferivelmente versado em inglês) e peça para ele fazer uma busca seguindo as instruções da tela (as linhas que fornecem as instruções dizem: remova chapéu e óculos; olhe fixamente para o círculo do MentalPlex. Não mova a cabeça; projete uma imagem mental do que você deseja pesquisar; clique mentalmente ou com o mouse no círculo MentalPlex).

Quem seguir as instruções à risca e clicar (com o mouse, naturalmente) sobre o círculo encontrará uma página com a mensagem: “Erro 008: Interferência detectada. Remova a folha de alumínio e dispositivos de controle remoto”, seguida de diversas entradas sobre o “Primeiro de Abril” (“April Fool’s Day”). A página foi criada para o 1º de abril do ano 2000 e fez tanto sucesso que foi mantida no ar.

Ainda na caixa de endereços de seu navegador, entre com www.google.com/pacman/ e veja aparecer na tela um viciante joguinho, aquele mesmo velho Pac-man, perfeitamente funcional. Trata-se de um “doodle” (“esboço”, “rabisco”), palavra usada para designar esse tipo de brincadeira feita pelo Google, criado para homenagear o 30º aniversário do Pac-Man. E mais: siga a sugestão e, na caixa de pesquisas da mesma página do jogo, entre com “doodles” e tecle Enter. Você será levado para uma página com, literalmente, dezenas de “doodles” dos mais variados tipos, a maior parte deles “jogáveis”, inclusive um jogo de futebol (apenas um jogador batendo penalidades e um goleiro defendendo a meta, mas, afinal, futebol).

Finalmente, um “doodle” que fez tanto sucesso que o Google acabou transformando-o em um recurso de um de seus programas: o simulador de voo. Na verdade, foi lançado como um “easter egg” (ovo de páscoa, em inglês), o nome que os desenvolvedores dão a algo oculto em um programa (como por exemplo os “doodles” que vimos acima), podendo ser qualquer coisa, desde uma simples lista de nomes da equipe de desenvolvedores até músicas, pequenos vídeos e joguinhos.

Esse é um simulador de voo completo, que foi incorporado ao Google Earth (Ainda não conhece? É grátis: sugiro baixá-lo e instalá-lo, principalmente se vai viajar). Carregue o programa, clique no menu Ferramentas, acione a opção “Entrar no simulador de voo” e voe para onde melhor lhe aprouver. Eu (veja a figura) resolvi dar uma voltinha sobre Copacabana...


PERGUNTE AO PIROPO
Ponto de restauração no XP

Como faço para recuperar meus e-mails perdidos no Outlook e como encontro o ponto de restauração do Windowa XP?

Luíza Furtado – Belo Horizonte/MG

Eu não sei exatamente o que você chama de “recuperar e-mails perdidos”, mas posso lhe dizer que os arquivos que guardam as mensagens do Outlook usam a extensão .Pst e normalmente se encontram na pasta: “C:and SettingsSEUNOME]SettingsData”. Quanto à restauração do sistema: para ter acesso à “Ferramenta de restauração do sistema” no Windows XP, você deve estar registrada (feito o “logon”) como administrador. Verifique em “Contas de usuário” se sua conta detém privilégios de administrador e, caso contrário, faça “logon” com a identidade de usuário registrada como administrador. Para ter acesso à “Ferramenta de restauração do sistema” no menu Iniciar, abra “Todos os programas”, clique em “Acessórios”, em seguida em “Ferramentas do sistema” e, finalmente, em “Restauração do sistema”. Vai se abrir uma janela que permite criar um ponto de restauração ou restaure o computador para um ponto anterior. É essa opção que lhe interessa. Marque-a, clique em “Avançar” e siga as instruções da tela.


Publicidade