Publicidade

Estado de Minas

Teste do EM: Geração superior

Com muito conteúdo e transmissão via Wi-fi por streaming, Apple TV garante diversão


postado em 14/07/2011 11:49 / atualizado em 14/07/2011 11:50

(foto: Apple/Divulgação)
(foto: Apple/Divulgação)
A primeira geração do Apple TV tinha disco rígido interno, era grande, pesado e a falta de conteúdo, entre filmes e séries de tevê, foi a principal reclamação dos usuários. O preço (cerca de US$ 200) também não era atrativo. A segunda geração do dispositivo (a US$ 99), no entanto, já superou a casa de 1 milhão de unidades vendidas. “As pessoas querem mais praticidade, querem HD”, disse Jobs durante a apresentação do equipamento, quase 50% menor do que o antecessor, com saída HDMI e conexão Wi-fi. A falta de conteúdo foi substituída por parcerias com as principais emissoras de televisão e produtoras de filmes dos Estados Unidos, que oferecem o aluguel de programas com preços a partir de US$ 3,99. São mais de 400 mil episódios de séries e desenhos e 150 mil filmes disponíveis. O aparelho ainda oferece integração com YouTube e Flickr.

O lançamento do Netflix, grande parceira da empresa no Apple TV, e o anúncio de redes varejistas de que o iTunes deve começar a vender conteúdo para os brasileiros em outubro são fatores que levam a crer que a segunda geração pode chegar ao Brasil ainda este ano. Enquanto não vem, o teste feito pelo Informátic@ com uma conta do iTunes norte-americana mostra que o aparelho tem tudo para conquistar o público e ser uma alternativa à programação oferecida pelos cinemas e canais de TV.

A instalação é muito fácil. Por ser bivolt, basta conectar o cabo de energia na tomada e ligar o HDMI (comprado à parte na loja da Apple) na televisão. Logo depois, começa a parte de configuração. O Apple TV vai localizar a conexão wi-fi e ajustar a linguagem, hora e data, dependendo da região no qual está localizado o aparelho. Caso não haja rede sem fio, é possível conectá-lo por meio de uma entrada ethernet feita por um cabo.

Logo depois, é preciso sincronizar com uma conta do iTunes. Mesmo que não seja configurada uma conta estrangeira do programa, o aparelho vai continuar funcionando para as funções do Flickr e do YouTube. O usuário poderá ainda ver trailers de filmes, mas não será possível alugá-los. Para quem já utiliza algum dispositivo da Apple, seja iPhone, iPad, iPod ou laptops e PC, o melhor a se fazer é compartilhar as bibliotecas de músicas e filmes. Com isso, todo o conteúdo que está em um desses dispositivos pode ser acessado direto na TV, via Wi-fi.

Integração
A interface, que pode ser configurada para o português (brasileiro), lembra a dos dispositivos móveis da marca. Com o controle remoto, que acompanha o produto, o usuário passa por todas as opções de menu, entre filmes, emissoras de tevê e internet. Ao escolher um desses produtos, é possível ver um trecho e depois alugar. Na tela, há a sinopse, o formato do vídeo (se em HD ou SD), além de relacionar com outras produções do mesmo ator, diretor e produtor. O conteúdo, claro, está todo em inglês. Para comprar, basta escolher e digitar a mesma senha utilizada no iTunes. Há ainda a opção de deixar a senha pré-cadastrada.

A transmissão dos vídeos é feita por streaming e por isso mesmo torna-se imprescindível uma boa velocidade de conexão. Ao comprar um filme ou série, uma mensagem aparece na tela informando em quanto tempo estará disponível o conteúdo. Em média, com uma rede de boa velocidade, é preciso esperar meia hora para começar a assistir. Conectado ao cabo, o tempo diminui consideravelmente. Depois de baixar, o espectador tem até 30 dias para assistir. Ao acionar o play, ele deve terminar de ver o vídeo em 48 horas.

A integração com iPad, iPhone e iPod é ponto alto do pequeno dispositivo. Por meio da função AirPlay presente nesses dispositivos é possível transmitir direto para a TV vídeos (inclusive do YouTube), fotos e música. Com o auxílio do aplicativo Remote, o controle remoto do Apple TV também pode ser descartado, pois, ao abrir o programa, uma interface está pronta para controlar com o dedo todas as funções.

  • Tags
  • #

Publicidade