Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Bruna Honório é operada em São Paulo e passa bem


postado em 16/05/2019 05:07

A cirurgia de Bruna durou 4 horas e não há previsão de data do retorno às quadras(foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press - 4/4/19)
A cirurgia de Bruna durou 4 horas e não há previsão de data do retorno às quadras (foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press - 4/4/19)

O Hospital Albert Einstein divulgou ontem à tarde o primeiro boletim médico sobre o estado de saúde de Bruna Honório, de 29 anos. A oposta do Minas, atual campeão da Superliga Feminina, passou por uma cirurgia para retirada de tumor do coração, ontem pela manhã, em São Paulo.

“A atleta Bruna Honório Marques encontra-se internada no Hospital Israelita Albert Einstein desde o dia 14 de maio de 2019. Foi submetida hoje pela manhã à exérese (retirada) de tumor cardíaco (atrial esquerdo) pela técnica robótica minimamente invasiva. O procedimento teve duração de 4 horas, ocorreu sem intercorrências e sem necessidade de transfusão de sangue. Encontra-se no momento na Unidade de Terapia Intensiva, consciente, sem dor, recebendo medidas de suporte clínico, prevenção de infecção e de trombose venosa profunda.”

Assinam o boletim os médicos Leandro Echenique, cardiologista, e Robinson Poffo, cirurgião cardíaco.

A confirmação da cirurgia minimamente invasiva já é uma vitória a ser comemorada. Era um dos desejos do Minas e da Seleção para buscar um tempo menor de recuperação e um risco menor para o prosseguimento da carreira de Bruna Honório. Os médicos ainda optam pela cautela para falar sobre uma data para a volta da jogadora ao vôlei.

Destaque na temporada Bruna Honório teve o contrato renovado com o Minas logo depois da Superliga. A oposta conquistou quatro títulos com a equipe mineira na temporada passada – além da Superliga Feminina, ela levantou a taça da Copa do Brasil de Vôlei, do Sul-Americano e do Campeonato Mineiro. Como prêmio pelas atuações positivas pelo clube de BH, foi convocada para a Seleção Brasileira, que treina visando às competições do segundo semestre – Liga das Nações, Sul-Americano, Pré-Olímpico e Copa do Mundo.

Na semana passada, durante exames de rotina realizados pela Seleção, no Rio de Janeiro, foi descoberto o mixoma atrial, nome para o tumor no átrio do coração. A oposta Bruna Honório era considerada uma das apostas do técnico José Roberto Guimarães.


Publicidade