Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas Pratos Principais

Pirão de frango

Receita fornecida por Ana Lúcia Santos Sá, de Mato Verde (38-3813-1488)


postado em 03/06/2016 09:50

Ingredientes:

- 1 frango caipira, cortado em pedaços

- 3 cebolas médias picadas

- 1 pimentão picado

- Coentro a gosto

- Pimenta-do-reino a gosto

- Colorau a gosto

- Tempero (alho e sal) a gosto

- 1 colher (de sopa) de óleo

- 300 g de farinha de mandioca

- 1 litro de água

Modo de Preparo:

Em óleo quente, refogar a cebola e o pimentão. Acrescentar o tempero, colorau, coentro, pimenta-do-reino e os pedaços de frango e misturar bem. Cobrir os pedaços de frango com água fria e cozinhar na panela de pressão por cerca de 10 minutos. Depois do cozimento, pôr os pedaços de frango numa travessa e reservar. Adicionar de dois a três copos de água ao caldo e deixá-lo ferver. Em outra panela, colocar inicialmente um pouco de farinha de mandioca e despejar um pouco de caldo, mexendo sempre.

O restante dos ingredientes será despejado na panela também de maneira alternada, até se formar uma espécie de creme. Servir o pirão numa travessa e o frango em outra.



Creme de pura energia

Não é à toa que Ana Lúcia Santos Sá ficou conhecida em Mato Verde, a 628 quilômetros de Belo Horizonte, como Lu do Pirão. Ganha um doce quem descobrir o porquê. Aí vai uma pista: ela mistura o caldo de um bem temperado frango caipira com farinha de mandioca e faz a freguesia "lamber os beiços". Funcionária de uma escola e mãe de três filhos, Lúcia ainda arranja tempo para cozinhar em casa para uma clientela cativa, que está sempre de olho na sua obra-prima.

"O pirão de frango tem história, passou de geração em geração, sem perder a vitalidade. Comecei a fazê-lo ouvindo as instruções da minhã mãe, Ana, que, por sua vez, aprendeu com uma velha parteira da cidade, a Maria Pão. Era um prato especial e forte para as mulheres que davam à luz na zona rural", explica. Na receita, a cozinheira não dispensa o coentro e a pimenta-do-reino, ingredientes que aprimoram o sabor, e manda um recado de extrema valia: "o segredo é despejar a farinha de mandioca aos poucos no caldo, para não embolar".

Não se esqueça. Quando chega à mesa, na hora do jantar, o pirão de frango provoca quase uma reverência. É o retrato sem retoques da tradição, do carinho e do tempero no ponto certo.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade