UAI
Publicidade

Estado de Minas PROPAGANDA

Secretário de Cultura ameaça veículos que divulgaram Papai Noel gay

De acordo com André Porciuncula, secretário nacional de Incentivo e Fomento à Cultura, a mídia tem que respeitar a fé cristã: 'Farei uma notícia-crime'


26/11/2021 15:56 - atualizado 26/11/2021 17:28

Propaganda na Noruega
cena da campanha natalina veiculada na Noruega (foto: Redes Sociais/Reprodução)
O secretário nacional de Incentivo e Fomento à Cultura, André Porciuncula, afirmou, via redes sociais, nesta sexta-feira (26/11), que vai verificar cada veículo de mídia que divulgou a cena da propaganda norueguesa, onde o Papai Noel aparece beijando outro homem.
“Estou verificando cada veículo de mídia que divulgou a cena do São Nicolau (Papai Noel). O santo é parte integrante da fé cristã, e, até onde eu sei, desrespeitar a fé alheia ainda é crime. Farei uma notícia-crime contra os envolvidos”, afirmou.

Ainda de acordo com o secretário, a mídia tem que respeitar a fé cristã.

A rede de correios da Noruega lançou uma campanha natalina ‘fora dos padrões’. Na propaganda audiovisual que circulou no país, o Papai Noel se declara gay e encontra um namorado.

A proposta que, incialmente, era celebrar os 50 anos da descriminalização da homossexualidade na Noruega, acabou tomando as redes sociais de todo o mundo e pautando o debate da diversidade sexual.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade