UAI
Publicidade

Estado de Minas MUDANÇA

Onyx Lorenzoni é exonerado do Ministério do Trabalho para voltar à Câmara

Saída deverá ser temporária; ministro precisa retomar cargo de deputado federal para resolver questões internas do mandato


11/11/2021 16:34

O ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni
O ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni, deixou o cargo temporariamente nesta quinta-feira (11/11) (foto: Fabio Rodrigues-Pozzebom/Agência Brasil)
O ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni, foi exonerado do cargo nesta quinta-feira (11/11). O desligamento foi publicado em uma edição extra do Diário Oficial, assinada pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido). No documento consta que a demissão foi efetivada a pedido do próprio Lorenzoni.

A exoneração não é definitiva. Assim como já ocorreu antes, Lorenzoni, que é deputado federal, deve retornar à Câmara para resolver questões relacionadas ao mandato. Desta vez, o movimento está relacionado às emendas parlamentares. Segundo a assessoria do gaúcho, ele deve retornar ao cargo no governo em até 10 dias.

Em outras ocasiões, Lorenzoni, que integra o União Brasil (fusão do DEM e PSL) já deixou suas funções em outra pasta para participar de votações de interesse do governo na Câmara. Ele já passou por quatro ministérios no governo Bolsonaro desde 2019: Casa Civil, Cidadania, Secretaria-Geral e estava, até hoje, no Trabalho e Previdência, que é resultado de um desmembramento do Ministério da Economia.

O político é um dos membros do primeiro escalão do governo que pretendem disputar as eleições em 2022. Desta vez, Lorenzoni está de olho no governo do estado do Rio Grande do Sul.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade