Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

'Ainda estamos na 2ª onda e com platô elevado de casos', diz Queiroga na CPI


08/06/2021 14:05

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou que "até o momento, não está caracterizada a terceira onda" de contaminações pela covid-19 no País. "Estamos ainda nessa segunda onda com um platô elevado de casos e a minha esperança para conter isso é a vacina", disse o ministro à CPI da Covid no Senado nesta terça-feira (8).

"Até bem pouco tempo os Estados, os municípios, eles tinham uma restrição maior do movimento da população e estavam fechados. Houve uma abertura. Com essa abertura, há uma tendência de novos casos e isso faz com que haja um aumento dos óbitos", afirmou. "Outro ponto é a estação climática que vivemos onde há uma tendência maior de circulação do vírus", completou Queiroga.

Sobre o contenção do avanço da doença no Brasil, o ministro afirmou que a cada duas semanas há uma reunião do gabinete de crise da qual participa o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), e o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL). "Com o presidente (Jair Bolsonaro) despacho sempre com ele, pelo menos uma vez por semana estou com o presidente especificamente para tratar sobre saúde", completou.

Copa América

Marcelo Queiroga voltou a dizer que a realização da Copa América no Brasil não foi decidida por ele ou pelo Ministério da Saúde. Em depoimento à CPI, o ministro afirmou, entretanto, que avaliou os protocolos para a realização da competição esportiva. Na segunda-feira, 7, o Ministério da Saúde apresentou os protocolos para a realização do evento, entre os quais se inclui a testagem das equipes a cada dois dias para a detecção eventual do novo coronavírus.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade