Publicidade

Estado de Minas CORONAVÍRUS NO BRASIL

Bolsonaro diz que não vê problema em não apresentar exame para coronavírus: 'Lei garante o anonimato'

Por determinação judicial, presidente tem 48 horas, contadas a partir dessa segunda-feira (27), para mostrar o resultado


postado em 28/04/2020 21:16

Bolsonaro tem até esta quarta-feira (29) para mostrar exame à Justiça(foto: Agência Brasil)
Bolsonaro tem até esta quarta-feira (29) para mostrar exame à Justiça (foto: Agência Brasil)
O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) falou, na noite desta terça-feira (28), sobre a determinação judicial que o intimou a mostrar o resultado do exame para coronavírus em até 48 horas, contadas a partir dessa segunda (27). Bolsonaro alegou que há ‘lei que garante o anonimato’ e ressaltou que não contraiu a COVID-19.

Bolsonaro disse que tem o hábito de fornecer um nome fantasia em seus exames e remédios manipulados. O presidente afirmou que desde 2010 ele vem seguindo o costume por causa do aumento de sua popularidade.

“Eu já tive receita em farmácia de manipulação. Eu sempre falei com o médico: “Bote o nome de fantasia”. Já era manjado (o nome Jair Bolsonaro), principalmente em 2010, quando comecei a aparecer muito. Alguém pode fazer uma coisa esquisita. E assim foi todo exame que eu fiz. Da minha parte não tem problema mostrar, mas eu quero mostrar que eu tenho o direito de não mostrar. Daqui a pouco querem saber se eu sou virgem, ou não. Vou ter que mostrar o exame de virgindade para vocês”, disse.

Bolsonaro disse também que ‘há lei que garante o anonimato’, sem apresentar o número e nem o artigo. “Infelizmente eu não tenho aqui o número da lei e nem o artigo. Mas se estivermos com Aids, por exemplo, a lei nos garante o anonimato. Por que para mim tem que ser diferente? Vocês não me viram aqui rastejando, com coriza. Eu não tive”, concluiu.

A determinação judicial é fruto de uma ação ajuizada pelo jornal O Estado de São Paulo. Com isso, a União terá 48 horas, que começaram a ser contadas nessa segunda, para fornecer “os laudos de todos os exames” feitos pelo presidente da República para identificar a infecção ou não pelo novo coronavírus. Até o momento, Bolsonaro disse que todos os exames deram negativos, se recusando a divulgá-los.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade