Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Roberto Jefferson diz que Moro é traidor e tornou-se 'hiena'

Ex-deputado federal e presidente do PTB se colocou ao lado do presidente Jair Bolsonaro


postado em 24/04/2020 19:53 / atualizado em 24/04/2020 21:24

Roberto Jefferson se colocou ao lado do presidente Jair Bolsonaro (foto: Agência Brasil/Valter Campanato)
Roberto Jefferson se colocou ao lado do presidente Jair Bolsonaro (foto: Agência Brasil/Valter Campanato)
O ex-deputado federal e presidente do PTB, Roberto Jefferson, colocou-se ao lado do presidente Jair Bolsonaro e contra o agora ex-ministro da Justiça Sergio Moro na troca de acusações em que se transformou o pedido de demissão do ex-juiz da Lava Jato. Pelo Twitter, Jefferson disse que Moro traiu o presidente e aliou-se às "hienas que mordem o leão Bolsonaro".

"O mundo não perdoa o desleal e traidor. Moro por motivos fúteis, a nomeação de um delegado, atirou nas costas do presidente Bolsonaro. Ele não está sozinho nessa traição, deve ter se ligado ao grupo de hienas que mordem o leão Bolsonaro. Tivesse Moro deixado o governo por razões da política de saúde atual, se compreenderia, mas deixou pela nomeação de um delegado de polícia, isso é motivo fútil", escreveu Jefferson.

O ex-deputado afirmou ainda que Moro teria vazado "conversas de Estado entre o Ministro da Justiça e o Presidente da República", o que seria deslealdade.






receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade