Publicidade

Estado de Minas

Russomanno decide ficar neutro no segundo turno em São Paulo


postado em 10/10/2012 17:12

Decisão teria sido motivada por possíveis ''baixarias'' no 2º turno(foto: ALEX FALCAO/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADAO)
Decisão teria sido motivada por possíveis ''baixarias'' no 2º turno (foto: ALEX FALCAO/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADAO)

São Paulo – O partido PRB anunciou nesta quarta-feira que ficará neutro no segundo turno da eleição para prefeitura paulistana. A legenda não apoiará o candidato do PSDB, José Serra, nem o do PT, Fernando Haddad.

"Nós vamos ficar neutros em respeito ao eleitor. Quem votou na nossa candidatura não queria Serra e nem Haddad", disse o ex-candidato a prefeito, Celso Russomanno, na sede do comitê de campanha do PRB, na região do Bairro dos Jardins.

"Aproveito o ensejo para lançar uma campanha em defesa de candidatura com ética, sem ataques, sem baixaria. Se houver baixaria, peço ao meu eleitor que fique neutro, que faça o protesto", acrescentou Russomanno, sem detalhar sobre o que seria a neutralidade ou o protesto.

José Serra, que recebeu 30,75% dos votos no primeiro turno, e Fernando Haddad, com 28,98%, vão disputar o segundo turno em São Paulo. Celso Russomanno teve 22% dos votos - mais de 1,3 milhão de votos.

"O PRB é independente e eu sou subordinado à minha consciência que não me permite caminhar nem para um lado nem para o outro", disse o presidente do PRB, Marcos Pereira. De acordo com ele, a decisão do partido não deverá estremecer a relação do partido com o governo federal.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade