Publicidade

Estado de Minas ESPECIAL

Vale doa mais de R$ 35 milhões para as forças de segurança do estado

Corpo de Bombeiros e Polícia Civil são algumas das corporações contempladas com o valor


Brumadinho e região | Reconstrução
Conteúdo patrocinado
Brumadinho e região | Reconstrução
postado em 30/06/2019 06:09 / atualizado em 01/07/2019 10:40

No IML, aparelhos e insumos são usados para auxiliar no trabalho de identificação de vítimas(foto: Alain Dhome/Esp. EM)
No IML, aparelhos e insumos são usados para auxiliar no trabalho de identificação de vítimas (foto: Alain Dhome/Esp. EM)
Reconhecimento de um trabalho árduo traduzido em aporte milionário. As forças de segurança de Minas Gerais estão recebendo doação da Vale que soma R$ 35,5 milhões. O valor, repassado em forma da aquisição de equipamentos de ponta, melhoria da infraestrutura e capacitação profissional, contempla quatro corporações do estado:Corpo de Bombeiros, polícias Militar e Civil, por meio do Instituto Médico Legal (IML), e Defesa Civil. O material visa dar mais agilidade, segurança e incrementar as atividades cotidianas de salvamento, busca e investigação dos militares. 

O maior valor foi destinado ao Corpo de Bombeiros, cuja lista de demandas soma cerca de 230 itens. Entre eles, estão ônibus rodoviário leito de 44 lugares, radar de detecção de vítimas e detector de radiação. Haverá ainda reforma das instalações da Academia de Bombeiros, com a implantação de estruturas e equipamentos para treinamento.

Outro patrimônio importante a ser adquirido são 40 cães de salvamento, que vão integrar a corporação. Os bombeiros de Minas têm menos de 10 animais. Até hoje, a operação em Brumadinho precisou da ajuda de 58 cachorros, sendo que três vieram de Israel e o restante de outros estados brasileiros. 

Ao IML, foram destinados R$ 6,5 milhões para aquisição de equipamentos de ponta. Entre os milhares de itens estão insumos básicos do dia a dia,atualmente escassos, como luvas de látex e lençol de papel hospitalar. Raio-X odontológico, tomógrafo computadorizado, câmeras e cabines de biossegurança estão entre a aparelhagem moderna que já chegou à sede do IML em Belo Horizonte. A Polícia Civil informou que logo depois do rompimento da Barragem I, a Vale se disponibilizou a doar equipamentos e insumos para auxiliar no trabalho de identificação das vítimas. A doação teve parecer favorável do Ministério Público.

A mineradora também assinou termo com o governo do estado para apoiar a segurança das comunidades por meio de doações a serem feitas para a Defesa Civil e a Polícia Militar. Para a Defesa Civil, está prevista a aquisição e doação de drones e equipamentos para buscas e salvamento, além de 16 veículos, incluindo caminhões-baú, caminhonetes 4X4 e uma plataforma de reboque, bem como cursos de capacitação profissional. Ao todo, o investimentos o mará R$ 5 milhões. Já o termo com a Polícia Militar prevê a compra e repasse de 38 viaturas para atuação em área urbana (incluindo distritos e povoados)e 10 viaturas do tipo 4X4 para atuação em área rural e de difícil acesso, totalizando R$ 4 milhões.


Publicidade