Publicidade

Estado de Minas Crime

O governo e as mortes de Bruno e Dom Phillips


17/06/2022 04:00



Antonio Negrão de Sá
Rio de Janeiro

“Primeiro, Marielle, depois pobres negros das favelas, depois índios, agora líder e jornalista indigenista. Todos crimes premeditados. Bolsonaro avisa, é contra à democracia, vai dar golpe, caso perca a eleição, distribui armas, fortalece milícias, arregimenta militares e policiais adeptos do terror, ditadura e tortura. Me calo, pois não é comigo. Bolsonaro impõe uma política de 33 milhões de esfomeados e desempregados. Nada faço, pois estou empregado e estável. Bolsonaro tem uma base de endinheirados que o protege e apoia, desde o golpe de 2016 (mercado financeiro, banqueiros, empresários, donos de TVs e jornais), mas representa apenas 1% e não 30% da população, como apontam as pesquisas. Portanto, vamos à luta, sem medo e sem recuo. Fora Bolsonaro, volta Lula com Congresso progressista e renovado.”

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade