Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas JULGAMENTO

Influência na PF pelo governo federal


26/09/2020 04:00

José Carlos Saraiva da Costa
Belo Horizonte   

"Como funcionários públicos, o presidente da República, Jair Bolsonaro, e o ex-ministro da Justiça e Segurança Pública e ex-juiz Sérgio Moro deveriam esclarecer para a população a suposta influência de Bolsonaro na Polícia Federal (PF), frente a frente, na Suprema Corte. O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio votou para que o presidente se pronuncie por escrito. Outro ministro do STF, Celso de Mello, definiu que a manifestação de Bolsonaro fosse presencial. A reunião ministerial, divulgada pelas emissoras de televisão, explicitou que Bolsonaro não tinha dado carta branca para Moro e que queria escolher os dirigentes da PF. Os contribuintes ficam cada vez mais perplexos com as decisões dos ministros da Suprema Corte, que claramente mudam de acordo com os personagens políticos envolvidos e com a proximidade das eleições. Vamos aguardar a decisão final do plenário virtual, que estabelecerá o rito a ser seguido."

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade