Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Espaço do leitor


postado em 01/01/2019 05:06

Salários
Reajuste no Legislativo e Judiciário revolta servidor

Sebastião Ferreira
Belo Horizonte

“A propósito do ótimo e oportuno editorial do jornal Estado de Minas em 21/12/18, ‘Uma medida inoportuna’, ouso fazer alguns comentários. Como se já não bastasse aquele reajuste absurdo de 16,4% do Judiciário, vem agora esse irresponsável ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) com a decisão esdrúxula e incompatível com as caóticas finanças do país, falo do reajuste salarial dos servidores do Executivo federal. A continuar assim, principalmente partindo do Legislativo e do Judiciário, quem vai fechar o Congresso e o STF não serão os militares, mas o povo brasileiro, quando se cansar definitivamente das ações daqueles dois poderes da República. Sou servidor público federal e discordo plenamente de tais medidas, que, como disse o editorial, beneficia exatamente que ganha mais.”

Otimismo
Pelo equilíbrio das contas públicas

Humberto Schuwartz Soares
Vila Velha – ES

“O governo precisa cortar despesas para reduzir a dívida pública, assim poderá investir e amenizar as precárias obrigações básicas como educação, segurança, saúde, infraestrutura e transportes. Com mais de 12 milhões de desempregados, é injustificável diversos penduricalhos, justo aos com melhores salários, sejam eles políticos ou não e, de quebra, extinguir a dotação aos fundos políticos que consumiram em 2018 R$ 2,604 bilhões.”

Ensino
Centro de Aeronáutica em Lagoa Santa

Wandir Pinto
Belo Horizonte

“Com a transferência em definitivo do Centro de Instrução e Adaptação da Aeronáutica (Ciaar) para suas novas e modernas instalações em Lagoa Santa, Região Metropolitana de Belo Horizonte, deixa de existir em nossa cidade uma unidade representativa da Força Aérea Brasileira (FAB). Desde o primeiro pouso de uma aeronave militar em 1934, num campo de pouso da então longínqua região da Pampulha até o início deste mês, a ‘Base Aérea’, denominação carinhosa dada pela população, mesmo servindo de sede para outras atividades de interesse da Força Aérea, sua presença por mais de 80 anos na capital mineira, foi partícipe e presente em seu crescimento e desenvolvimento. De agora em diante, resta para todos nós a nostalgia de sua definitiva ausência, porém, fica a certeza de que em Lagoa Santa, melhor instalado, o Ciaar
continuará executando sua nobre missão como unidade de ensino e adaptação para oficiais de nível superior e especialistas.”

Confins
Concessionária defende plano de emergência

BH Airport
Aeroporto Internacional de BH

“Em relação à manifestação do leitor, publicada em 30 de dezembro, com o título ‘Precariedade em Confins’, a BH Airport, concessionária do Aeroporto Internacional de BH, esclarece que durante o incidente ocorrido em 20 de dezembro, quando houve pouso de emergência de aeronave da Latam, manteve o seu plano de emergência ativado conforme determina a legislação nacional e internacional da aviação civil e voltado à prestação de atendimento aos passageiros, à aeronave, suporte à companhia aérea e à busca de soluções para normalizar as operações no menor tempo possível. Graças a esses esforços, a pista do aeroporto foi liberada parcialmente ainda na manhã da quinta-feira e totalmente ao final daquele mesmo dia. A concessionária esclarece também que já realizou todos os investimentos necessários para a ampliação da infraestrutura e da capacidade de movimentação, o que já coloca o aeroporto como o terceiro melhor do país, na opinião dos próprios passageiros. A BH Airport informa ainda que mantém permanentemente negociações com as companhias aéreas para ampliar a oferta de voos internacionais, além dos quatro destinos para o exterior que já são realizados pelo Aeroporto Internacional de BH.”


EM.COM.BR

Apesar de suspensão liminar, tarifa de ônibus em BH segue a R$ 4,50
“A Justiça não tem força por ser condizente com a máfia dos transportes.”
• Humberto Pinto“

É evidente que a prefeitura não deve recorrer. Se a prefeitura recorrer é sinal que ela está sendo apoiadora do aumento e tendendo e beneficiar as concessionárias. Ou seja, daria sinal de que a prefeitura estaria defendendo o aumento, para beneficiar as transportadoras.”
• Ales Lop

Deslizamentos fecham principal entrada de Sabará e trechos da BR-381
“A verdade que esses deslizamentos possuem ligação direta com as invasões ocorridas nos morros nas adjacências da rodovia.”
• Douglas


FACEBOOK

Temporal na Grande BH tem inundações, deslizamentos e pessoas ilhadas
“Lamentável.”
• Giovani Couy

“Que bom saber que as autoridades competentes estão agindo em prol da comunidade.”
• Wanderlay Castro

“A chuva realmente veio com muita força.”
• Renato Medeiros

Apesar de suspensão liminar, tarifa de ônibus em BH segue a R$ 4,50
“Já não respeitam a lei que exige cobradores em horários de maior movimento, não me assusto com isso! Desmoralização total da obrigação do cumprimento das leis.”
• Faria Ricardo

Deslizamentos fecham principal entrada de Sabará e trechos da BR-381

“Vergonha uma duplicação que anda a passos de tartaruga em câmera lenta.”
• Júnior Artuso


Publicidade