Publicidade

Estado de Minas GERAL

Minas e outros estados vão ajudar no combate às queimadas na Amazônia

Em carta aberta, governadores de estados do Sul e Sudeste ofereceram apoio com estrutura, tecnologia e recursos humanos às regiões atingidas pelas queimadas


postado em 24/08/2019 16:14 / atualizado em 24/08/2019 17:12

Os líderes estaduais se reuniram no 4º Encontro do Consórcio de Integração Sul e Sudeste (Cosud), em Vitória (ES)(foto: Agência Minas/Divulgação)
Os líderes estaduais se reuniram no 4º Encontro do Consórcio de Integração Sul e Sudeste (Cosud), em Vitória (ES) (foto: Agência Minas/Divulgação)


Os governadores dos Estados do Espírito Santo, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo, afirmaram que irão auxiliar no controle de queimadas na Amazônia. "Os governadores do COSUD manifestam também solidariedade aos colegas da Região Norte e confirmam que auxiliarão, se necessário, com estrutura, tecnologia e recursos humanos para contribuir no controle de queimadas na Região Amazônica", disseram os líderes estaduais, em carta aberta, divulgada neste sábado, 24, após o 4º Encontro do Consórcio de Integração Sul e Sudeste (Cosud), realizado em Vitória (ES).



No documento, os chefes executivos dos Estados do Sul e do Sudeste consideram também que os temas ambientais devem ser discutidos e distensionados.

"Buscando entendimento para fortalecer a imagem internacional do Brasil, reforçando o nosso compromisso com a biodiversidade e preservando as exportações do país, sobretudo do agronegócio", aponta o documento, intitulado "Carta de Vitória".

O texto é assinado José Renato Casagrande (PSB), governador do Espírito Santo; Romeu Zema (Novo), governador de Minas Gerais; Carlos Massa Ratinho Júnior (PSD), governador do Paraná; Wilson Witzel (PSC), governador do Rio de Janeiro; Eduardo Leite (PSDB), governador do Rio Grande do Sul; Carlos Moisés da Silva (PSL), governador de Santa Catarina, e João Doria (PSDB), governador de São Paulo.


Publicidade