Publicidade

Estado de Minas GERAL

MP denuncia à Justiça homem acusado de jogar mulher do 3º andar em Brasília


postado em 22/08/2018 14:02

O Ministério Público do Distrito Federal (MPDFT) ofereceu denúncia à Justiça, nesta terça-feira, 21, contra Jonas Zandoná, acusado de ter jogado a mulher, Carla Graziele Rodrigues Zandoná, do 3º andar de um apartamento na Asa Sul, no último dia 6, em Brasília.

Zandoná foi denunciado por homicídio triplamente qualificado: motivo torpe, meio cruel e feminicídio. Jonas Zandoná está preso preventivamente desde o dia 7 de agosto. Constam nos autos do processo antecedentes criminais nos anos de 2015, 2016 e 2017.

Segundo a polícia, Zandoná tinha um histórico de violência contra a mulher. Segundo testemunhas, as brigas eram frequentes, com agressões, xingamentos e ameaças.

No dia do crime, Carla chegou a ser levada pelo Corpo de Bombeiros do DF ao Hospital de Base de Brasília, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade