(none) || (none)
UAI
Publicidade

Estado de Minas PEQUIM

Governo da China anuncia detenção de japonês por suspeita de espionagem


27/03/2023 06:12

Um cidadão japonês detido na China é suspeito de atividades de espionagem, informou nesta segunda-feira (27) o governo de Pequim.

As autoridades chinesas "adotaram medidas coercitivas este mês contra um cidadão japonês, de acordo com a lei", afirmou a porta-voz do ministério das Relações Exteriores, Mao Ning.

"Este cidadão japonês é suspeito de realizar atividades de espionagem, uma violação da lei criminal e da lei antiespionagem da República Popular da China", acrescentou a porta-voz.

O porta-voz do governo japonês, Hirokazu Matsuno, afirmou que a embaixada do país na China foi informada "este mês que um japonês com idade por volta de 50 anos estava detido em Pequim".

Ele não revelou detalhes sobre a identidade do homem, nem sobre o suposto crime ou quando foi detido.

"Desde que soubemos do caso, o governo japonês pede com veemência a libertação do cidadão japonês", declarou Matsuno.

O porta-voz disse que Tóquio busca acesso consular para o homem.

Em outubro de 2019, as autoridades chinesas prenderam um professor japonês por suspeitas de espionagem. Ele foi liberado e enviado ao Japão no mês seguinte.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade

(none) || (none)