UAI
Publicidade

Estado de Minas CONFUSÃO

Homem recebe R$ 1,6 milhão por engano, se demite e foge com a quantia

A empresa fez o depósito por engano na conta do funcionário e, agora, entrou na Justiça por 'apropriação indevida' para tentar reaver o valor


25/06/2022 23:01 - atualizado 25/06/2022 23:01

notas de real
Depois da confusão, a empresa acionou a justiça para tentar recuperar o dinheiro (foto: Marcello Casal JrAgência Brasil)
Um homem recebeu um depósito equivalente a R$ 1,6 milhão da empresa em que trabalhava, no Chile. Porém, o valor foi enviado por engano para a conta dele. Mas, após receber a quantia, o funcionário pediu demissão e fugiu, segundo informações do jornal "Clarín". 

 

Após a confusão, a empresa estaria tentando conseguir recuperar a quantia e entrou na Justiça por “apropriação indevida”.

 

A companhia do setor de frios informou que a área de recursos humanos cometeu um equívoco ao depositar o salário de maio do funcionário.


O homem, por sua vez, ao receber o valor não disse nada.
 
Os empregadores entraram em contato com ele dizendo que o dinheiro deveria ser devolvido.
 
Porém, no dia combinado para a devolução, ele não compareceu ao banco. 

“Ligaram centenas de vezes, até que ele atendeu e comentou que tinha adormecido. Eles continuaram esperando, mas o dia passou sem nenhuma resposta”, afirma a reportagem.

Depois de alguns dias sumido, o funcionário apareceu, disse que contratou um advogado e informou que não devolveria o dinheiro, já que o erro tinha sido da empresa.
 
Diante disso, a companhia decidiu recorrer à Justiça. 
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade