UAI
Publicidade

Estado de Minas WASHINGTON

Onda de calor se desloca ao leste dos EUA sem dar trégua


20/06/2022 14:43

Uma onda de calor que na semana passada assolou boa parte do centro dos Estados Unidos começará a se deslocar para o leste com temperaturas perigosamente altas, disse nesta segunda-feira (20) o Serviço Nacional de Meteorologia (NWS).

A previsão para esta segunda-feira é de um novo dia de calor bem acima do normal, próximo de recordes ou até acima, desde as planícies centrais do país até o alto centro-oeste.

"O calor perigoso continuará nas manchetes", disse o NWS em um comunicado.

As altas temperaturas começarão a se deslocar para leste na terça-feira, pela região dos Grandes Lagos, com temperaturas máximas próximas dos 35ºC, "entre 5 e 12 graus acima do normal para a época".

Em Chicago, a terceira maior cidade do país, a previsão é de 37º para terça-feira .

A onda de calor se moverá para o sudeste na quarta-feira, com até 43°C nas margens do Golfo do México, juntamente com alta umidade.

Segundo os meteorologistas, as altas temperaturas se devem a uma cúpula de alta pressão, nas bordas da qual se desencadeia um clima virulento com tempestades elétricas, inundações repentinas e chuvas extremas.

O Parque Nacional de Yellowstone, o mais antigo dos Estados Unidos, foi fechado na semana passada devido aos danos causados por grandes inundações.

As chuvas torrenciais e gelo derretido transbordaram os rios em apenas alguns dias. O extenso parque se encontra principalmente em Wyoming e abriga o Old Faithful Geyser. Cerca de 90 pessoas tiveram que ser resgatadas por helicópteros.

O parque anunciou que reabrirá seu setor sul para visitantes na quarta-feira. Funcionários do parque disseram que outras seções permanecerão fechadas pelo resto da temporada.

Enquanto o calor queimava a parte sudoeste do país no Arizona, um incêndio florestal que descia a encosta de uma montanha consumia quatro prédios do Observatório Nacional Kitt Peak, mas eles não pareciam conter telescópios ou outros equipamentos científicos, disseram autoridades.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade