UAI
Publicidade

Estado de Minas GENEBRA

Diplomata russo na ONU renuncia ao cargo devido à guerra na Ucrânia


23/05/2022 11:21

Um diplomata russo baseado em Genebra e contrário à guerra na Ucrânia pediu demissão de seu cargo e afirmou, em uma carta, "nunca" se sentiu tão "envergonhado" por seu país.

Boris Bondarev, assessor da Representação Permanente da Rússia na ONU em Genebra, enviou um e-mail aos colegas diplomatas anunciando sua decisão, que foi revelada pela ONG UN Watch e confirmada por várias fontes diplomáticas.

"A guerra agressiva iniciada por Putin contra a Ucrânia, e de fato contra o mundo ocidental, não é apenas um crime contra o povo ucraniano, mas também, talvez, o mais grave crime contra o povo russo", afirma a carta, publicada pelo embaixador holandês Robert Gabrielse, acompanhada da palavra "Corajoso".

A renúncia, que várias fontes dizem não ser a primeira de um diplomata russo pelos mesmos motivos, deve encorajar outros colegas a seguirem o exemplo, afirmou o diretor da UN Watch, Hillel Neuer.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade