UAI
Publicidade

Estado de Minas CARTUM

Milhares de sudaneses voltam às ruas para protestar contra militares


24/01/2022 11:11

Milhares de sudaneses protestaram novamente nesta segunda-feira(24) para pedir um governo civil e exigir justiça para os mortos durante as manifestações contra o golpe há quase três meses - observou um jornalista da AFP.

Uma multidão marchou cantando palavras de ordem antimilitares na capital do país, Cartum, em direção ao palácio presidencial. O local foi isolado pelas forças de segurança.

As mobilizações também ocorreram em Wad Madani, 200 quilômetros ao sul da capital, e em Gedaref e Port Sudan, no leste, segundo testemunhas.

Horas antes, as forças de segurança fizeram incursões e prenderam membros dos "comitês de resistência" em vários bairros de Cartum. De acordo com estas organizações locais, esta é uma tática que se repete nas vésperas dos dias de mobilização.

O país foi abalado por protestos desde o golpe de 25 de outubro liderado pelo general Abdel Fatah al-Burhan.

Este golpe derrubou um governo civil-militar de transição que governou após uma onda de protestos anterior. Esta levou ao fim da ditadura de Omar al Bashir, em 2019.

Manifestações contra os militares causaram pelo menos 73 mortes e centenas de feridos, segundo fontes médicas.

A comunidade internacional reitera os seus apelos ao diálogo, e a ONU continua a negociar com os diferentes atores do país, sem conseguir reunir todos eles até agora.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade