UAI
Publicidade

Estado de Minas JOHANESBURGO

Leilão de chave da cela de Mandela é adiado


07/01/2022 20:18

O leilão de uma chave da cela onde Nelson Mandela ficou preso na África do Sul antes de se tornar o primeiro presidente negro do país foi suspenso, anunciou nesta sexta-feira (7) a casa Guernsey's.

A chave da cela da prisão de Robben Island, onde Mandela passou 18 de seus 27 anos de prisão durante o regime do apartheid, deveria ser leiloada no próximo dia 28, mas a casa anunciou hoje em seu site o adiamento da venda, que incluiria outros objetos relacionados a Mandela, até segunda ordem, após um pedido da Agência do Patrimônio da África do Sul (SAHRA, na sigla em inglês) para "verificações".

O ministro de Artes e Cultura sul-africano, Nathi Mthethwa, saudou a decisão de suspender o leilão. "A chave simboliza a história dolorosa de África do Sul, mas também representa o triunfo do espírito humano sobre o mal", declarou em comunicado. "Essa chave é a prova viva da longa marcha dos sul-africanos pela liberdade, e pertence ao povo da África do Sul. Por isso, deve ser legitimamente devolvida ao país."

Além da chave, estariam à venda uma camisa emblemática de Mandela, óculos de sol e canetas cerimoniais.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade