UAI
Publicidade

Estado de Minas TRÍPOLI

Comissão Eleitoral da Líbia propõe adiamento da eleição presidencial para 24 de janeiro


22/12/2021 08:21

A Alta Comissão Eleitoral da Líbia (HNEC) propôs nesta quarta-feira (22) adiar em um mês a eleição presidencial inicialmente prevista para 24 de dezembro, pouco depois de uma comissão parlamentar concluir a "impossibilidade" de organizar a votação na data.

"Após discussões com o Parlamento, a Alta Comissão Eleitoral propõe o adiamento do primeiro turno da eleição para 24 de janeiro de 2022. O Parlamento será responsável por adotar as medidas necessárias para superar os obstáculos no processo eleitoral", anunciou a HNEC em um comunicado.

Alguns minutos antes, uma comissão do Parlamento líbio encarregada de monitorar as eleições presidenciais de 24 de dezembro concluiu que é "impossível" organizar a votação na data programada, uma etapa fundamental na transição.

A votação prevista para sexta-feira deveria marcar uma transição para a paz, embora muitas pessoas temam que provoque o reinício da guerra civil.

A Líbia vive há um ano uma calma relativa, desde a trégua histórica de outubro de 2020 entre as regiões oeste e leste.

Um governo de transição assumiu o comando em março para administrar o país do norte da África até as eleições.

Apesar das esperanças de paz, a ONU teve que atuar para superar as profundas e complexas divisões após uma década de conflito e intervenção estrangeira, desde que uma revolta em 2011 apoiada pela Otan derrubou e matou o ditador Muamar Khadafi.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade