UAI
Publicidade

Estado de Minas LIUBLIANA

Eslovênia suspende vacinações com imunizante da Janssen após um óbito


30/11/2021 16:34

A Eslovênia cancelou de forma permanente o uso da vacina da Janssen contra a covid-19 após confirmar que a morte de uma mulher de 20 anos por coágulos sanguíneos estava relacionada ao imunizante, anunciou o ministro da saúde, Janez Poklukar.

A Eslovênia suspendeu o uso da vacina de dose única da Johnson & Johnson após a morte da mulher, falecida por causa de uma hemorragia cerebral dias depois de ter recebido uma dose.

"A suspensão temporária do uso da (vacina) Janssen, atualmente em vigor, será agora permanente", declarou o ministro em coletiva de imprensa, após a publicação destes resultados.

Esta morte é o segundo caso conhecido no país após o da esposa de um diplomata esloveno em Paris, morta após tomar uma dose da vacina do braço farmacêutico da Johnson & Johnson.

Mais de 16 milhões de doses desta vacina foram aplicadas na União Europeia até o fim de outubro. Seis mortes relacionadas com o fármaco foram confirmadas, segundo as autoridades eslovenas.

JOHNSON & JOHNSON

ASTRAZENECA


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade