UAI
Publicidade

Estado de Minas MOSCOU

Putin reunirá líderes azerbaijanos e armênios, após violência em Nagorno Karabakh


23/11/2021 12:37

O presidente russo, Vladimir Putin, convidou os líderes de Armênia e Azerbaijão para conversarem na sexta-feira (26), em meio à escalada de tensão entre os dois países um ano depois de uma guerra sangrenta pelo enclave de Nagorno Karabakh.

Putin, o primeiro-ministro armênio, Nikol Pachinian, e o presidente azerbaijano, Ilham Aliev, vão-se reunir na próxima sexta em Sochi, às margens do Mar Negro, anunciou o Kremlin em um comunicado divulgado nesta terça-feira (23), especificando que foi o líder russo que tomou a iniciativa deste reunião.

O objetivo dessas negociações, "programadas para coincidir" com o aniversário da assinatura de um cessar-fogo patrocinado por Moscou, será "examinar a aplicação" deste acordo, explicou o Kremlin, acrescentando que Putin também falará pessoalmente, e a sós, com ambos os líderes.

Esta reunião, a primeira nesse formato desde janeiro, será realizada no contexto de um novo surto de violência perto da região disputada de Nagorno Karabakh.

Legalmente, este enclave é um território azerbaijano, mas está sob controle de um autoproclamado governo armênio há 30 anos.

Na semana passada, Armênia e Azerbaijão travaram os combates mais intensos desde o final de uma guerra de seis semanas em 2020, que deixou mais de 6.500 mortos.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade