UAI
Publicidade

Estado de Minas WASHINGTON

Pedidos de seguro-desemprego voltam a cair nos EUA


07/10/2021 11:14

As solicitações de seguro-desemprego nos Estados Unidos caíram na última semana de setembro mais que o esperado depois de três semanas de aumentos, segundo dados publicados nesta quinta-feira (7) pelo Departamento do Trabalho.

Entre 26 de setembro e 2 de outubro, 326.000 pessoas se inscreveram para receber empréstimos por desemprego, 38.000 a menos que na semana anterior, cujos números foram revisados levemente para cima, até 364.000.

Essa queda foi maior que o esperado, já que o consenso dos analistas era que subiria até 340.000.

O número de solicitações de seguro-desemprego começou a aumentar no início de setembro devido à extinção dos contratos temporários da temporada de verão.

Além disso, o furacão Ida, que devastou partes de Louisiana no final de agosto, também provocou novas inscrições. O número total de pessoas que recebem esse auxílio continua caindo com força e ficou em pouco mais de 4 milhões em meados de setembro, segundo os dados mais recentes, publicados também nesta quinta-feira.

Os subsídios por desemprego excepcionais que eram pagos desde o início da pandemia expiraram em 6 de setembro.

O Departamento do Trabalho dos Estados Unidos publicará na sexta-feira (8) os dados do mercado de trabalho correspondentes a setembro. Os analistas estimam que foram criados 450.000 novos empregos. Espera-se que o índice de desemprego diminua 0,1 ponto percentual, até 5,1%.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade