UAI
Publicidade

Estado de Minas TUNES

Tunísia 'lamenta' decisão da França de reduzir vistos ao país


02/10/2021 16:44

O presidente da Tunísia, Kais Saied, teve uma conversa telefônica neste sábado (2) com seu homólogo francês, Emmanuel Macron, na qual lamentou a redução anunciada por Paris nos vistos concedidos aos tunisianos, segundo um comunicado oficial da Tunísia.

"O presidente lamenta a decisão de reduzir o número de vistos concedidos a tunisianos que desejam viajar para a França", disse a presidência tunisiana em sua página no Facebook.

De acordo com a presidência, durante a conversa entre os dois chefes de estado, Macron "disse que esta medida pode ser revista"

O Presidente Saied respondeu que "a questão da imigração irregular só pode ser tratada com base numa nova visão" e que esta será uma das "prioridades do novo governo" da Tunísia.

A França anunciou esta terça-feira a redução do número de vistos para cidadãos de Marrocos, Argélia e Tunísia, devido à "recusa" destes países em providenciarem as condutas seguras necessárias para o regresso dos migrantes expulsos pela ex-potência colonial.

"É uma decisão drástica, é uma decisão sem precedentes, mas é uma decisão necessária, já que esses países não aceitam receber de volta seus cidadãos que não queremos e não podemos manter na França", disse o porta-voz do governo francês, Gabriel Attal, à rádio Europa 1.

FACEBOOK


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade