Publicidade

Estado de Minas JERUSALÉM

Autoridades de Israel investigam suásticas pintadas em duas sinagogas do país


01/08/2021 10:39

O primeiro-ministro israelense, Naftali Bennett, descreveu neste domingo (1º) como "crime grave de incitação ao ódio" os atos de vandalismo cometidos em duas sinagogas próximas a Tel Aviv, que amanheceram com suásticas pintadas.

Segundo o rabino da sinagoga "Young Israel", Haim Asher Landau, alguns fiéis encontraram suásticas pintadas em duas portas do local de culto ao qual compareceram para as orações da manhã de sábado.

"Este ato de vandalismo em uma sinagoga da (cidade de) Bnei Brak é um crime grave de incitação ao ódio", declarou Bennett em um comunicado.

A polícia afirmou que outra sinagoga também sofreu atos semelhantes no fim de semana em Bnei Brak, uma cidade habitada principalmente por judeus ortodoxos. Uma investigação foi aberta, afirmou.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade