Publicidade

Estado de Minas PEQUIM

Cantor pop canadense é detido na China sob suspeita de estupro


31/07/2021 17:21

O cantor e ator canadense Kris Wu, uma estrela da música pop muito famosa na China - onde nasceu - foi detido sob suspeita de estupro, anunciou a polícia chinesa neste sábado (31).

Na semana passada, uma estudante chinesa de 19 anos acusou Kris Wu de estuprá-la durante um encontro, quando ela tinha 17 anos.

As acusações causaram agitação na mídia, uma onda de desaprovação nas redes sociais chinesas e levando várias marcas de luxo a suspenderem seus contratos com o cantor.

"Wu Yifan, de 30 anos, cidadão canadense, está atualmente detido por crime de acordo com a lei pela seção do (distrito de) Chaoyang da polícia de Pequim por suspeita de estupro", informaram as forças de segurança na rede social chinesa Weibo, citando o nome chinês de Kris Wu.

A polícia afirma ter aberto uma investigação depois que usuários da Internet acusaram Wu, uma das maiores celebridades da China, de "ter enganado jovens para fazerem sexo em várias ocasiões".

O escândalo evoca o movimento #MeToo da China, iniciado por feministas chinesas em 2018, no qual as mulheres tinham o poder de expressar suas experiências de assédio sexual - às vezes envolvendo figuras públicas poderosas.

Kris Wu é um ex-membro do grupo sino-sul-coreano EXO, do qual saiu em 2014 para iniciar uma carreira solo como ator, cantor, modelo e jurado de programas de variedades.

Desde as acusações de Du, mais supostas vítimas se ponunciaram online, acusando a equipe de Wu de comportamento predatório, como convidá-los para festas de karaokê com bebidas alcoólicas.

- Estrela nega -

Depois do alvoroço causado pelo escândalo, marcas como Louis Vuitton, Bulgari, L'Oreal e Porsche, com as quais colaborou, suspenderam seus contratos com o cantor na semana passada.

A estrela, que também tem cidadania canadense e cresceu entre Vancouver e Guangzhou, negou todas as acusações de estupro e insistiu que era inocente em várias declarações nas redes sociais.

"Eu só conheci a Srta. Du uma vez em uma festa de um amigo, eu não a enchi de álcool (...) Eu nunca 'coagi mulheres a fazer sexo' ou me envolvi em 'estupro'", escreveu ele em 19 de julho, acrescentando que não dorme com meninas menores de idade.

O estúdio de Wu também publicou uma longa resposta às alegações de Du, negando qualquer delito e alegando que ela só o conheceu uma vez em uma festa, tentou extorquir sua equipe em milhões de yuans e falsificou suas acusações.

Quando as acusações surgiram, a empresa de luxo Bulgari disse que "atribui grande importância ao incidente relacionado a Kris Wu e decidiu encerrar todas as colaborações relacionadas com Wu a partir de hoje";

Seus advogados processaram Du por difamação e a estudante alega ter entrado com uma ação legal contra Wu.

Du disse que a estrela tentou comprar seu silêncio com 500.000 RMB ( 77.100 dólares).

Weibo

LVMH - MOET HENNESSY LOUIS VUITTON

L'OREAL


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade