Publicidade

Estado de Minas YAOUNDÉ

Cinco militares e um civil mortos em ataque do Boko Haram no Camarões


27/07/2021 17:41

Cinco soldados e um civil foram mortos na segunda-feira em um ataque do Boko Haram no extremo norte de Camarões, informou o Ministério da Defesa em um comunicado, lido em uma rádio pública nesta terça (27).

Na noite de segunda para terça-feira, "uma horda de terroristas fortemente armados do grupo Boko Haram, a bordo de vários veículos táticos leves, atacou o posto de comando [...] localizado na cidade de Zigué", explicou o comunicado lido na CRTV, que especificou que o ataque terminou com a morte de cinco militares e um civil.

Três soldados e um civil também ficaram feridos.

O ataque ocorreu a poucos quilômetros da fronteira com a Nigéria, onde surgiu o Boko Haram, segundo o Ministério da Defesa. Membros do grupo armado também perderam a vida, segundo o comunicado, que acrescentou que "as tropas continuam em alerta máximo em todo o extremo norte e além das fronteiras".

O extremo norte de Camarões, perto da fronteira com a Nigéria, costuma ser cenário de ataques do grupo extremista.

Membros do Boko Haram e seu braço dissidente, o grupo Estado Islâmico na África Ocidental (ISWAP), realizaram vários ataques nos últimos anos contra as forças de segurança e civis nesta região de Camarões, além das fronteiras com Nigéria, Níger e Chade.

Eles costumam sequestrar civis, especialmente mulheres e crianças.

O Boko Haram surgiu em 2009 no nordeste da Nigéria e se espalhou para os países vizinhos. Desde então, mais de 36.000 pessoas morreram, principalmente na Nigéria, e 3 milhões tiveram que deixar suas casas, segundo a ONU.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade