Publicidade

Estado de Minas BOGOTÁ

Sete dissidentes das Farc morrem em confrontos com ELN na Colômbia


10/07/2021 00:11

Sete dissidentes das Farc foram mortos em dois confrontos com o ELN ocorridos na quinta-feira em uma área de coca e mineração no norte da Colômbia, informaram as autoridades nesta sexta-feira (9).

O primeiro combate aconteceu no município de Morales, Bolívar, onde três rebeldes que se marginalizaram do acordo de paz assinado em 2016 com os guerrilheiros das Farc perderam suas vidas, revelou à imprensa em um vídeo o general Ramiro Castrillón, diretor de talento humano da polícia.

Entretanto, o segundo confronto, no qual morreram quatro homens, decorreu a 67 km de distância, no município de Montecristo, no mesmo departamento.

"Conseguimos estabelecer" que os dois eventos "têm uma correlação", declarou Castrillón ao descrever os "confrontos".

No mesmo vídeo, o general Gerardo Melo, comandante da primeira divisão do exército, especificou que a disputa era pelo controle de um "corredor de mobilidade" na área cobiçada por suas jazidas e plantações de folha de coca.

As autoridades estão oferecendo uma recompensa de US$ 13.000 por informações que levem à captura dos responsáveis pelas mortes.

Apesar do desarmamento das Farc, a Colômbia vive um recrudescimento da violência que, em quase seis décadas de conflito, deixou mais de nove milhões de vítimas, a maioria de desalojados.

Rebeldes marginalizados do pacto de paz, gangues de origem paramilitar e outros grupos armados lutam pela renda do narcotráfico, extorsão e outras economias ilícitas em um país de 50 milhões de habitantes.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade