Publicidade

Estado de Minas PARIS

França investiga Citroën pelo dieselgate, a quarta marca afetada


10/06/2021 14:41

Depois da Volkswagen, Renault e Peugeot, a Citroën também foi incluída na França na investigação por fraude nos controles antipoluição de modelos antigos de motores a diesel, o escândalo do dieselgate, anunciou nesta quinta-feira (10) Stellantis, matriz da construtora francesa.

A Citroën foi incluída hoje "pelos magistrados de instrução por acusações de fraude sobre a venda de veículos a diesel Euro 5 que ocorreu na França entre 2009 e 2015", disse Stellantis em seu comunicado.

A marca francesa deve depositar uma "fiança" de 8 milhões de euros (9,7 milhões de dólares), 6 deles para o eventual pagamento de danos e multas, e fornecer uma garantia bancária de 25 milhões de euros (30,4 milhões de dólares) "para indenizar os eventuais prejuízos", detalhou a empresa.

Uma fonte judicial confirmou à AFP esses termos.

Como a Peugeot, da mesma matriz, a Citroën "está avaliando a regularidade desta medida e a oportunidade de recorrer", disse Stellantis. A marca Fiat-Chrysler, também do grupo, deve ser citada em julho.

Um relatório da DGCCRF (Direção Geral de Concorrência, Consumo e Repressão de Fraude) transmitido à Justiça em fevereiro de 2017 mencionou uma "estratégia global destinada a fabricar motores fraudulentos, e depois comercializá-los".

Segundo os investigadores, o grupo PSA (Peugeot-Citroën) vendeu 1,9 milhão de veículos da geração Euro 5 (vigente até 2015) com motores fraudulentos, o que pode gerar uma sentença de até 5 bilhões de euros (6 bilhões de dólares).

Uma quantia muito alta, mas quatro vezes menor que a multa máxima de 19,7 bilhões de euros que o grupo Volkswagen pode receber, o primeiro grupo envolvido neste escândalo que desencadeou denúncias em muitos países.

Em um comunicado emitido na quarta-feira após a citação da Peugeot, Stellantis afirmou que "seus sistemas de controle de emissões respondiam a todas as exigências aplicáveis na época".

GROUPE PSA

Stellantis

VOLKSWAGEN

Renault


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade