Publicidade

Estado de Minas CARACAS

Oito militares venezuelanos "resgatados" após sequestro na Colômbia


01/06/2021 06:05

Oito militares venezuelanos "foram resgatados" em uma operação das Forças Armadas do país, após um sequestro no mês passado por grupos irregulares colombianos na região de fronteira, anunciou na segunda-feira o ministério da Defesa.

"Hoje, 31 de maio, foram resgatados na operação 'Águia Centenária' os oito profissionais militares sequestrados por grupos irregulares armados colombianos desde o início do mês e estão sãos e salvos", afirmou um comunicado divulgado no Twitter.

As Forças Armadas informaram que continuam a "busca por dois oficiais", sem revelar detalhes de sua patente nem em que condições foram capturados.

Também não informaram sobre possíveis baixas durante a operação de resgate.

O ministro da Defesa, Vladimir Padrino, que anunciou oficialmente o sequestro em 15 de maio, escreveu em suas redes sociais que oito oficiais estavam "acompanhados de um excelente grupo de médicos militares".

"Damos atenção a oito bravos patriotas que, sequestrados por grupos criminosos colombianos, foram resgatados hoje no estado de Apure. Nada nos detém", indicou.

A captura dos militares aconteceu no estado de Apure (oeste), na fronteira com a Colômbia, onde são registram confrontos desde 21 de março com os grupos irregulares, que não foram identificados diretamente pelo governo venezuelano, além da classificação de "terroristas". A Colômbia afirma que são dissidências das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC).

O presidente Nicolás Maduro reconheceu a possibilidade que seriam dissidentes das FARC.

De acordo com um balanço oficial, 16 integrantes das Forças Armadas da Venezuela morreram nos combates desde março.

O conflito também forçou o deslocamento de milhares de civis.

Twitter


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade