Publicidade

Estado de Minas JERUSALÉM

Israel e Emirados assinam acordo fiscal para promover investimentos


31/05/2021 17:15

Israel e Emirados Árabes assinaram nesta segunda-feira um acordo fiscal que busca promover os investimentos, anunciou o ministro israelense das Finanças, quase nove meses após os dois países terem normalizado suas relações.

O pacto, que busca evitar a dupla tributação, permitirá em particular o desenvolvimento de "vínculos econômicos entre ambos os países", declarou o ministro Yisrael Katz no Twitter, chamando o documento de "histórico". "Irá garantir a segurança e as condições favoráveis necessárias para as atividades comerciais", acrescentou.

Além de disposições sobre o compartilhamento de informações, a não discriminação e a prevenção de abusos, o tratado prevê a redução das alíquotas para os investidores, informou o Ministério das Finanças israelense. O parlamento e o governo de Israel devem ratificar o acordo, cuja entrada em vigor está prevista para 1º de janeiro de 2022.

Israel e os Emirados Árabes assinaram em setembro acordos de normalização mediados pelos Estados Unidos. Logo depois, firmaram acordos comerciais.

Os Emirados se tornaram o terceiro Estado árabe a estabelecer relações com Israel, depois do Egito em 1979 e da Jordânia em 1994. Barein, Marrocos e Sudão fecharam em seguida acordos semelhantes, promovidos pelos Estados Unidos durante o governo de Donald Trump.

Os líderes palestinos na Cisjordânia ocupada e na Faixa de Gaza chamaram esses acordos de traição aos países árabes.

alv / mib / mdz / tjc / eg/ lb

Twitter


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade