Publicidade

Estado de Minas GOMA

Fortes sismos em Goma, ao pé do vulcão Nyiragongo, na RDC


26/05/2021 06:20

Dois fortes terremotos foram sentidos na madrugada desta quarta-feira (26), na cidade de Goma, localizada aos pés do vulcão Nyiragongo, no leste da República Democrática do Congo (RDC).

Como nos dois dias anteriores, tremores foram sentidos durante toda noite, o que provocou temor nos moradores. Muitos não conseguiam dormir.

Um dos dois fortes terremotos, às 5h45 locais (00h45 em Brasília), causou pânico na cidade, levando muitas pessoas a saírem às pressas de suas casas. Esse sismo foi de magnitude 5,1, disse RSM, o órgão público de monitoramento sísmico de Ruanda, cuja fronteira é adjacente a Goma.

Ainda não é possível saber a extensão dos danos em Goma e na vizinha cidade ruandesa de Gisenyi.

Na terça-feira, devido a violentos terremotos, pelo menos quatro edifícios desabaram parcialmente, incluindo um prédio de três andares, no qual oito pessoas ficaram feridas.

Esta noite, muitos habitantes, principalmente aqueles em edifícios de vários andares, preferiram dormir ao ar livre.

As autoridades disseram que os terremotos devem diminuir.

Na segunda-feira, 119 terremotos de intensidade variada foram registrados, de acordo com o serviço de vulcanologia local.

A erupção repentina no sábado à noite do vulcão Nyiragongo, que domina Goma e o Lago Kivu, causou medo e fuga de populações. Desde então, a maioria vive com medo de uma nova erupção e desses repetidos terremotos que abalam a região.

Pelo menos 32 pessoas morreram desde a erupção inesperada no sábado, de acordo com o último balanço das autoridades locais. Sete das vítimas morreram asfixiadas por vapores tóxicos na segunda-feira, enquanto caminhavam sobre o fluxo de lava.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade